Por André Somensari Em Notícias

Escola homenageia Editora Santuário em desfile cívico

Com a participação de mais de quatrocentos alunos, a escola contou, em seu desfile, a história da Editora Santuário, remetendo à 1900, data de sua fundação, até os dias atuais


Divulgação/Escola Heloísa Encarnação
Divulgação/Escola Heloísa Encarnação
Escola Heloísa Encarnação homenageia Editora Santuário em desfile cívico


No dia 12 deste mês, a Editora Santuário foi homenageada no desfile cívico do Dia da Independência do Brasil realizado na cidade de Aparecida (SP). Com o tema 300 anos de bênçãos, a EMEF Professora Heloisa de Castro Encarnação Pinto Barboza, situada no bairro Itaguaçu, homenageou a centenária editora católica e também a Rádio Aparecida.

Em desfile promovido pela Secretaria de Educação do município, coube à escola Heloísa Encarnação homenagear aqueles que, nas ondas do rádio ou nas páginas dos livros, teceram a história de Aparecida e de todo seu povo.

Com a participação de mais de quatrocentos alunos, a escola contou, em seu desfile, a história da Editora Santuário, remetendo à 1900, data de sua fundação, até os dias atuais, que em seus quase 117 anos de história lançou mais de quinhentas publicações.

:: Receba o Jornal Santuário em casa

Desde o primeiro momento, a equipe escolar se empenhou em representar, da melhor forma possível, a Editora Santuário na avenida. Primeiramente, houve a montagem da estrutura das Alas da escola, que ficou da seguinte forma: Entrada (abre alas), Editora Santuário, Rádio Aparecida e o Projeto Guri. Após a definição desta, trabalhamos para dispor os alunos nas alas. Especificamente, na ala que representou Editora, foram posicionados os alunos com banners e faixas em uma ordem cronológica”, afirma a professora Luciana Almeida, vice-diretora da escola Heloísa Encarnação.


Divulgação/Escola Heloísa Encarnação
Divulgação/Escola Heloísa Encarnação
Escola Heloísa Encarnação homenageia Editora Santuário em desfile cívico


Durante o desfile, parte dos alunos entregaram ao público presente exemplares do Jornal Santuário, primeiro produto da Editora Santuário, lançado em 1900, e que permanece em circulação até hoje, sendo o jornal católico mais antigo do Brasil.

“Em meus dezesseis anos dedicados ao magistério, participei de diversos eventos cívicos, mas confesso que este, em especial, me emocionou demasiadamente por se tratar do Jubileu dos 300 anos de Aparecida e por ter a satisfação de representar na avenida a Editora Santuário. Nossa equipe preocupou-se em fazer algo que levasse aos munícipes a tradição da editora, fatos e fotos de sua história nos seus diversos momentos. Assim sendo, buscamos contato com a própria Editora, que nos oferecera muito mais do que informações, nos deram total apoio para que veementemente representássemos a importância desta instituição que, literalmente, vem escrevendo a nossa história”, disse professora Luciana.

Outra grande homenageada do desfile, a Radio Aparecida foi reverenciada com homenagem a duas de suas grandes personalidades, que marcaram história no rádio brasileiro e na comunicação católica: padre Vítor Coelho de Almeida, falecido em 1987, tradicional apresentador da Consagração à Nossa Senhora Aparecida, nas décadas de 50 a 80, e a locutora e radialista Terezinha de Jesus, a Tatá, que iniciou sua carreira na Rádio Aparecida em 1956 e permanecendo nela por mais de seis décadas.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por André Somensari , em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.