Por Beatriz Nery Em Notícias Atualizada em 27 SET 2018 - 16H43

Conheça padre surdo que celebra missa em Libras

Pe. Wilson Czaia/Arquivo Pessoal
Pe. Wilson Czaia/Arquivo Pessoal
Em Curitiba, Pe. Wilson Czaia é o único padre no Brasil que celebra a missa em linguagem de sinais

Leia Mais7 curiosidades sobre a língua brasileira de sinais

A inclusão das pessoas com deficiência é importante na sociedade, mas quando essa inclusão também é percebida na igreja? Pe. Wilson Czaia, pároco da Igreja de Nossa Senhora da Ternura, da arquidiocese de Curitiba (PR) é o único padre no Brasil que celebra a missa em linguagem de sinais, porque é surdo.

Hoje, ele faz parte da Paróquia Pessoal para os Surdos e traz um recado aos devotos de Nossa Senhora Aparecida:

"Viva a Padroeira do Brasil e nossa mãe, Nossa Senhora Aparecida. Meu nome é Wilson Czaia, este é meu sinal, sou padre e surdo profundo. Moro e sou padre na Arquidiocese de Curitiba, PR. Sou pároco da Paróquia Pessoal para os Surdos Nossa Senhora da Ternura, onde muitos surdos acorrem para as missas em libras e demais sacramentos. Muitos ouvintes também participam na paróquia da Ternura. 
Sou muito grato a Deus por suscitar, aqui no Brasil, a vocação do primeiro padre surdo, Mons. Vicente de Paulo Penido Burnier, de Juiz de Fora, MG. Mons. Burnier trabalhou arduamente, incentivando os surdos a crescerem na fé. Infelizmente, já nos deixou e se encontra no céu com Deus. Agora sou o único padre surdo em exercício no Brasil. Eu amo os surdos e amo também os ouvintes que desejam ajudar esta missão de evangelizar o povo surdo através da Língua de Sinais. Jesus está conosco nesta missão. Ele que nos incentiva a estudar e conhecer melhor sua palavra. Também, Maria, nossa Mãe, Rainha e Padroeira, que zela com amor por todos os surdos e intérpretes católicos. E é pelas mãos de Maria que peço as bênçãos de Deus sobre todos vocês, em nome do Pai + do Filho e do Espirito Santo. Amém.”

Este é o tema do programa Com a Mãe Aparecida de hoje (27), com participação de Rafael Ferreira, coordenador da Pastoral Nacional dos Surdos, e Carlos André Rodrigues, coordenador pastoral da Pessoa com Deficiência de São Paulo, que também é surdo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Beatriz Nery, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.