A12

Província de São Paulo

Enviar por e-mail

Preencha todos os campos adequadamente.

Enviando...

Ocorreu um erro no envio:

Preencha todos os campos adequadamente.

Enviando...

Ocorreu um erro no envio:

Os missionários redentoristas foram fundados por Santo Afonso de Ligório para evangelizar os mais pobres e abandonados. Para ir aos lugares que nenhum outro missionário se dispõe a ir. Para continuar o Redentor.

red_brasil

Dentre as mais de 50 Províncias Redentoristas espalhadas pelo mundo, encontra-se a Província de São Paulo. Ela foi fundada por homens que seguiram fielmente o sonho de seu fundador: evangelizar os abandonados. Em 1894, alguns missionários da Baviera, na região sul da Alemanha, vieram ao Brasil, atendendo ao pedido desesperado dos bispos de São Paulo (Dom Joaquim Arcoverde de Albuquerque Cavalcanti) e de Goiás (Dom Eduardo Duarte Silva). A Messe era grande, mas poucos os operários capacitados. A Igreja no Brasil lembrava a comparação que Jesus fez com o povo sofrido de Israel da sua época: ovelhas sem pastor.

Esses pioneiros alemães, coordenados pelo Padre Gebardo Wiggermann, 14 homens no total, vieram ao Brasil. Alguns foram para Goiás (08 deles), e uma turma ficou na cidade de Aparecida (06 deles). Desde então, os Missionários Redentoristas estão intrinsecamente ligados à História de Nossa Senhora Aparecida.

Nestes 120 anos de evangelização em Aparecida e no Vale do Paraíba, os redentoristas já se espalharam pelo estado de São Paulo. Atenderam diversas regiões, evangelizando alemães, japoneses e o povo brasileiro mais necessitado. A Província de São Paulo tem hoje cerca de 200 membros, trabalhando em diversas áreas da evangelização.

As Santas Missões deram fama aos redentoristas, pois ficaram conhecidos como os padres de grandes pregações. Já são 117 anos de missões sendo pregadas ininterruptamente. Centenas de missionários redentoristas despertaram a sua vocação a partir da pregação das Santas Missões. Hoje, os missionários da Província de São Paulo possuem uma equipe reforçada de pregadores para as Santas Missões Populares.

Jamais se pode perder o objetivo de despertar novas e santas vocações. A Província de São Paulo possui hoje um Secretariado Vocacional direcionado especialmente a ajudar o vocacionado no processo de discernimento. Dois missionários são exclusivamente dedicados a este trabalho de animação vocacional, mas todos os Missionários Redentoristas devem ser agentes vocacionais, despertando no jovem a vontade de continuar o Redentor.

A Província de São Paulo também é pioneira no ramo das comunicações. Quando aprenderam os benefícios da comunicação de massa, os Redentoristas dessa Província investiram confiantemente numa editora, para que mais pessoas fossem atingidas pela pregação. Em 1900, nasce a Editora Santuário, em Aparecida-SP, que há mais de 100 anos vem imprimindo ideias de Redenção. Em 1951, nasce uma emissora de Rádio, a poderosa Rádio Aparecida, que vem sendo uma aliada indispensável na pregação dos filhos de Santo Afonso. Em 2005, nasce a TV Aparecida, grandioso instrumento de evangelização nos dias de hoje. Em 2010, a Província de São Paulo percebeu os rumos que a comunicação vem tomando e investiu no mundo da Web, adquirindo um Portal de Internet, o Portal A12.com, um domínio digital que tem a cara da Mãe Aparecida.

Os Missionários Redentoristas da Província de São Paulo, desde 1894, são os zeladores de Nossa Senhora Aparecida. A Imagem da Santa permaneceu na Basílica Velha, no morro dos Coqueiros, de 1894 até 1982, quando foi transladada para o Novo Santuário, onde permanece até hoje. O maior Santuário Mariano do mundo recebe mais de 12 milhões de romeiros por ano. Com todo o carinho devido, também se tem o cuidado de esclarecer sempre mais os romeiros sobre o papel de Nossa Senhora na Igreja, e esses estudos essenciais sobre Maria são desenvolvidos e incentivados pela Academia Marial, fonte rica de materiais de pesquisa sobre a Mãe de Deus! Em síntese, não há dúvidas de que essa é uma grande missão para os Missionários Redentoristas.

A evangelização consiste em apresentar Deus-Amor, revelado por Jesus, a todas as pessoas, especialmente as mais pobres e abandonadas. Mas os Missionários Redentoristas da Província de São Paulo também zelam pela qualidade de vida das pessoas, pois não basta amar os pobres, mas é necessário lutar para que eles saiam da pobreza. Por isso, o trabalho social é indispensável para uma evangelização eficaz. O CAS, Centro de Assistência Social, é um conjunto de obras sociais que tem em vista o bem integral dos ouvintes dos missionários. Essas obras sociais visam a melhorar as condições de vida das crianças (Projeto Semear); a dar oportunidade para os jovens (Projeto Inclusão Jovem); a dar oportunidades para a família crescer em integração e conhecimento especializado (SOS Família e Inclusão Digital); e a possibilitar uma velhice saudável (Projeto Vida Ativa). Assim, os Missionários Redentoristas tentam auxiliar os seus atendidos a terem uma vida melhor, estando eles em qualquer etapa de sua vida.

Em resumo, podemos afirmar que os Missionários Redentoristas da Província de São Paulo se preocupam cada vez mais com uma evangelização de qualidade, usando de todas as ferramentas disponíveis para poder atingir o máximo de pessoas, pois, quanto mais pessoas amarem a Jesus Cristo, mais o sonho de Santo Afonso vai se tornando realidade por meio do trabalho pastoral de seus filhos espirituais!

Veja o arquivo: Historico Provincial I IlloTempore