A12

Congregação Redentorista tem nova casa de formação em São Paulo

Enviar por e-mail

Preencha todos os campos adequadamente.

Enviando...

Ocorreu um erro no envio:

-

Preencha todos os campos adequadamente.

Enviando...

Ocorreu um erro no envio:

Dando sequência à proposta iniciada pela Pastoral Vocacional Redentorista de acolher, para o processo de discernimento vocacional, pessoas com mais de 30 anos, o Governo Provincial apresentou uma nova casa de formação para o ano de 2017. A Comunidade Pe. Vitor Coelho de Almeida, localizada no bairro Ipiranga, em São Paulo (SP), abriga os formandos oriundos do acompanhamento vocacional para pessoas em idade adulta, projeto pioneiro na Congregação Redentorista e também na igreja.

Foto de: arquivo provincial

Casa Redentorista - Alfonsianum

Localizada no bairro Ipiranga, esta casa briga a comunidade Pe. Vitor Coelho de Alemida.

 

Além dos cinco aspirantes que vivem no local, a comunidade é formada por outros cinco religiosos, sendo um padre, um irmão e três junioristas da Vice-Província do Recife. O Missionário Redentorista responsável pela comunidade formativa é o Pe. Jerônimo Colombo. Ele tem experiência na formação redentorista. Em sua caminhada sacerdotal e religiosa na Congregação do Santíssimo Redentor, atuou como formador e auxiliar na formação durante muitos anos e em etapas diferentes como propedêutico, formação dos futuros irmãos redentoristas e também na Pastoral Vocacional. Apesar da experiência, Pe. Jerônimo se diz um eterno aprendiz.

Foto de: arquivo provincial

Padre Jerônimo ou Colombo

Pe. Jerônimo Colombo

“Este é um desafio diferente já a maioria dos jovens que aqui estão tem curso superior, experiência de trabalho e namoro, até mesmo experiências de seminário, e estão buscando conhecer a vida redentorista”, relatou o religioso.

Reunidos há dois meses, a comunidade ainda caminha aos poucos para a estruturação completa das atividades. Os jovens iniciaram as aulas de formação e também as dinâmicas com a psicóloga. Segundo Pe. Jerônimo Colombo, o grupo é muito bom e dá esperanças para a Congregação Redentorista.

Nesta etapa inicial da formação, é tempo de se perguntar: Quem sou eu? O que estou fazendo aqui? O que Deus quer de mim? 

Como bem diz o psiquiatra Augusto Cury, “o Eu é a expressão máxima da consciência crítica e capacidade de escolha. Tudo o que percebemos, sentimos, pensamos, experimentamos, tornam-se tijolos na construção dessa plataforma de formação do Eu.”

:: Conheça a história do Pe. Vitor Coelho de Alemida 


Comentários (0)



Carregando Comentários
0 caracteres