A12

Vocação Sacerdotal: Lançai as redes do Bom Pastor

Enviar por e-mail

Preencha todos os campos adequadamente.

Enviando...

Ocorreu um erro no envio:

-

Preencha todos os campos adequadamente.

Enviando...

Ocorreu um erro no envio:

Entre os dias 20 e 27 de agosto, vamos celebrar a 48ª Semana Vocacional. Neste dia 04 de agosto, em que a Igreja comemora o 'Dia do Padre', convidamos o Frei Jeâ Paulo Andrade, OFM, para apresentar a 'Vocação Sacerdotal'. 

:: Semana Vocacional celebrará os 300 anos de bênçãos

O sacerdócio é, antes de tudo, o ministério do serviço. O Padre é aquele que assume a missão de conduzir e cuidar de uma parcela do povo de Deus. A doutrina católica diz que “a Ordem é o sacramento graças ao qual a missão confiada por Cristo aos Apóstolos continua a ser exercida na Igreja, até ao fim dos tempos: é, portanto, o sacramento do ministério apostólico”. Uma antiga oração de Santo Hipólito mostra com clareza a vocação sacerdotal inspirada pelo Espírito Santo: “Que seja digno de manter-se irrepreensível diante do vosso altar, anunciar o Evangelho do Reino, cumprir o ministério de vossa palavra de verdade, oferecer dons e sacrifícios espirituais”.

48ª Semana Vocacional - Vocação Sacerdotal

O padre é escolhido de dentro do povo, de uma comunidade e é ungido para ser pastor do rebanho de cristo. Por meio dessa unção, do sacramento da Ordem, ele deve ser sinal de unidade eclesial. Tem como atribuições primordiais a celebração dos sacramentos: de modo particular a Eucaristia, a reconciliação e a unção dos enfermos, bem como organizar os serviços da comunidade paroquial: catequese, liturgia, pastorais, etc. Ser sacerdote é estar em profunda comunhão com Deus e a serviço do povo.

 

Onde o povo de Deus tem uma necessidade, lá está o sacerdote.

O sacerdote pelo caráter ministerial que lhe é conferido pode ser chamado de pastor, uma vez que tem a missão de zelar pelo rebanho. Ainda que essa expressão diga respeito ao próprio Cristo, ela encontra no presbítero sua ressonância. “Eu sou o bom pastor. O bom pastor dá a vida por suas ovelhas” (João 10, 11). Pressupõe-se do sacerdote a entrega e doação total de sua vida àqueles que lhe são confiados. Dele se espera o cuidado para com a ovelha machucada, ferida, maltratada. Ele torna-se autoridade, pelo testemunho e exemplo. Suas ovelhas, a partir desse modelo de serviço reconhecem nele segurança e são capazes de ouvir a sua voz.

:: Por que pedimos bênção ao padre?

O Papa Francisco ao falar sobre a vocação do sacerdote destaca a disponibilidade e a mediação:“A disponibilidade do sacerdote faz da Igreja uma casa de portas abertas. Onde o povo de Deus tem uma necessidade, lá está o sacerdote que sabe escutar e sente um mandato amoroso de Cristo, que o envia para socorrer, com misericórdia”.

O Padre, segundo o Papa Francisco, deve ser um mediador entre o povo e Deus: “O mediador perde a si mesmo para unir as partes, dá a sua vida, o próprio cansaço, o próprio trabalho, para unir o rebanho, para unir as pessoas e levá-las até Jesus”.

:: Por que agosto é o mês vocacional?

Que a Senhora Aparecida interceda pela Igreja, pelos vocacionados e sacerdotes para que sejam e tornem-se, não apenas funcionários do Sagrado, mas bons pastores do rebanho de Deus!


Comentários (0)



Carregando Comentários
0 caracteres