Por Padre Evaldo César de Souza, C.Ss.R Em Notícias Atualizada em 22 AGO 2018 - 10H28

Redentoristas avaliam caminhada missionária dos últimos quatro anos

Desde o dia 20 de agosto, os redentoristas da unidade de São Paulo estão reunidos em assembleia na Casa de Hospedagem Santo Afonso. Na tarde de segunda-feira (20), uma missa solene no Santuário Nacional abriu oficialmente os trabalhos. Mas foi ontem, dia 21, que efetivamente os trabalhos de reflexão e avaliação tiveram início. A assembleia é um espaço formal de partilha, reflexão e avaliação da caminhada pastoral dos missionários redentoristas e reúne grande número de confrades.

Para o padre Inácio de Medeiros, Superior Provincial, “a Assembleia Provincial é a grande instância de corresponsabilidade da província, já que nela, ao contrário dos Capítulos, todos os confrades, padres, irmãos e estudantes professos são convidados e têm voz ativa para propor ideias e pedir esclarecimentos”. Nesse sentido, “a assembleia é espaço de fraternidade e de projeção do futuro para esta nova fase de reestruturação missionária da nossa congregação”, completa.

Os trabalhos foram abertos pelo padre Ulysses da Silva, que atualizou os grandes fundamentos de nossa espiritualidade redentorista e propôs um olhar de retorno às fontes do carisma. “Somos, em Jesus (apud eum) missionários de uma conversão plena e abundante para os mais pobres e abandonados. É preciso mergulhar na profundidade das feridas do povo, e de nossas próprias, e firmar os pés no amor abundante de Jesus. Essa é a única saída para manter a alegria de ser um missionário do Redentor”, afirma Leia MaisAssembleia Provincial 2018 avalia caminhada dos Redentoristas em São Paulopadre Ulysses.

Coube também a ele apresentar a síntese dos trabalhos da Assembleia da Conferência da América Latina, que teve lugar no começo desse mês em Trindade, Goiás. “A congregação redentorista passa por um momento de reestruturação em vista da missão renovada para o novo século. Ou assumimos os desafios, ou corremos o risco de estancar o carisma de Afonso de Ligório”. Os desafios citados são a reconfiguração geográfica e numérica das unidades redentoristas pelo mundo. “Reordenar e reagrupar para impulsionar a vida missionária e, jamais, para salvar o que estaria em decadência”, deixa bem claro o missionário. A proposta é reagrupar em apenas sete províncias as atuais 23 unidades provinciais da América Latina e Caribe.

A Assembleia Redentorista segue até o próximo dia 23, e ainda irá avaliar os trabalhos dos setores missionários, além de propor algumas pistas para os próximos quatros anos de caminhada.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Padre Evaldo César de Souza, C.Ss.R, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.