Por Polyana Gonzaga Em Redentoristas

Lançada a biografia documentada do Padre Vitor Coelho de Almeida

Foto de: Rafael Ferreira

lançamento do livro ‘Padre Vitor Coelho de Almeida, o Missionário da Senhora Aparecida’.

Livro conta a vida religiosa, virtudes e atividades
apostólicas de Padre Vitor Coelho de Almeida.

O zelo missionário e incansável de Padre Vitor Coelho de Almeida foi destaque na noite desta segunda-feira (28), durante o lançamento do livro ‘Padre Vitor Coelho de Almeida, o Missionário da Senhora Aparecida’. O livro de autoria do Padre Gilberto Paiva é uma biografia documentada do Missionário Redentorista que teve uma vida dedicada às missões, ao povo e à evangelização pelos meios de comunicação.

A publicação é uma iniciativa da Província Redentorista de São Paulo, da Editora Santuário e da Postulação para a Causa de Beatificação de Padre Vitor e foi lançado durante o VIII Congresso Internacional Redentorista de Teologia Moral, que acontece no Seminário Santo Afonso, em Aparecida (SP) até do dia 2 de agosto.

Estiveram presentes no Auditório do Seminário Santo Afonso o bispo auxiliar de Aparecida, Dom Darci José, o Superior Provincial, padre Luís Rodrigues, o reitor do Santuário, padre Domingos Sávio, diversos Missionários Redentoristas, além de professores de teologia moral, leigos participantes do Congresso. Um teatro contou a história de Padre Vitor Coelho de Almeida aos presentes.

Com quase 600 páginas, o livro, documenta a história do Missionário Redentorista nascido na cidade mineira de Sacramento, sendo dividido em catorze capítulos, nos quais o autor destacou as virtudes e a fama de santidade de Padre Vitor.

“Este livro é um instrumento para conhecer Padre Vitor, sua espiritualidade e sua vida. Ele falou de Jesus, anunciou o Evangelho e este é um caminho de santidade”, afirmou o autor do livro.

De acordo com Padre Gilberto Paiva, que se aprofundou na história deste pregador carismático da Palavra aos romeiros, o fato de ter sido acometido pela tuberculose e tendo sido internado por sete anos fortaleceu ainda mais o missionário. “Ele gostava de estar junto ao povo, seja tirando fotografias, seja no encontro com os romeiros na Rádio Aparecida ou nas missões”, acrescentou.

Segundo o bispo auxiliar de Aparecida, Dom Darci José, que também é o vice Postulador da Causa de Beatificação de Padre Vitor, o livro foi lançado durante o Congresso, pois a biografia fala das virtudes de um Missionário Redentorista, genuíno filho de Santo Afonso Maria de Ligório, patrono dos moralistas e confessores.

 

Padre Vitor ensinou que a melhor maneira de retribuir ao amor de deus é amando. (Dom Darci José)

“Padre Vitor viveu toda a sua vida para que a Copiosa Redenção fosse entendida pelas pessoas. O amor de Deus foi a sua grande missão, a sua grande pregação. Ele ensinou aos mais simples e aos mais letrados que a melhor maneira de retribuir ao amor de Deus é amando”, ressaltou Dom Darci.

O Superior Provincial, padre Luís Rodrigues, mencionou que Padre Vitor foi um homem muito importante para Aparecida e para a Província Redentorista de São Paulo e é uma referência de Missionário para todo o Brasil.

“Ele foi um Missionário, um comunicador. E esta é uma biografia documentada, exigência da Congregação para Causa dos Santos com o objetivo é de recuperar a ação apostólica de Padre Vitor, que sempre foi tido pelo povo como santo e sua lembrança permanece viva entre nós”, afirmou o Provincial.

Durante o VIII Congresso Internacional Redentorista de Teologia Moral também foi lançado o livro ‘Vigilância e segurança na sociedade tecnológica: Fundamentos éticos’ de autoria do Padre Rogério Gomes.

 

2 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Polyana Gonzaga, em Redentoristas

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.