Por Secretariado Vocacional Redentorista Em Notícias

Como vivem os religiosos para sustento próprio?

Os religiosos, de maneira em geral, são chamados a participar da obra redentora de Cristo, submete-se à lei divina do trabalho para o próprio sustento, para o serviço da Igreja e com atenção especial aos pobres. (PC 13)

E como isso acontece?

Muitos religiosos além de estudos na área teológica, também são formados profissionalmente, e como atuam em diversas Instituições, sejam próprias ou como funcionários, são remunerados. Também temos aqueles que são escritores, artistas e assessores em encontros e outros mais.

Thamara Gomes
Thamara Gomes
III edição da ExpoVoc reuniu mais de 30 famílias religiosas em Aparecida.

Como a Vida Religiosa Consagrada, tem entre os Conselhos Evangélicos, a Pobreza, tudo o que recebe coloca em comum na comunidade ou envia para o caixa comum da Sede da Congregação e esta faz a distribuição conforme a necessidade, sendo assim todos os membros são beneficiados. (Cf CDC 668, paragrafo 3)

Os religiosos idosos que são aposentados, também colocam os benefícios que recebem em comum, como nos ensina as primeiras comunidades: “Vendiam suas propriedades e bens, e os repartiam entre todos conforme a necessidade de cada um.” (Atos 2,45).

:: Vida Religiosa: chamados para irradiar alegria

Todo o dinheiro colocado em comum não é apenas para o sustento próprio, é também para a formação de novos membros, para os cuidados dos religiosos doentes, e também muitas vezes utilizado para manter as Obras que atendem os nossos irmãos mais necessitados.

Ir. Marilene Bonfim
Irmãs Dominicanas da Beata Imelda.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Secretariado Vocacional Redentorista, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.