Notícias

Interpretar e entender a Bíblia

Enquanto conversavam e discutiam, o próprio Jesus veio caminhar com eles... (Lc 24,15)

Escrito por Pe. Márcio Fabri dos Anjos, C.Ss.R.

20 SET 2022 - 08H50 (Atualizada em 25 OUT 2022 - 15H17)

Thiago Leon

A Bíblia é a Palavra de Deus que orienta o sentido da vida em todas as nossas situações. Interpretar a Bíblia parece complicado, mas alguns pontos podem ajudar:

1. A Bíblia é um conjunto de mensagens reunidas ao longo de vários séculos. As mensagens aparecem através de etapas históricas da vida do povo; interpretações da vida; orações; lições e meditações; cartas e outros; mas principalmente os Evangelhos que reúnem o que Jesus fez e ensinou. Tudo para alimentar nossa fé. Conclusão: Buscar na Bíblia as mensagens por detrás dos fatos!

2. A linguagem bíblica está em diferentes culturas, na maioria orientais, que usam às vezes exageros e fantasias ao contar; e refletem costumes e modo de entender da época. Conclusão: Procurar no modo bíblico antigo de dizer os sentidos de Deus atualizados para hoje.

3. Parábolas e mesmo pequenas histórias, como curas, são recursos simbólicos para expressar mensagens sintéticas. Conclusão: Procure o ensinamento por trás dos símbolos e histórias.

4. As traduções da Bíblia nem sempre conseguem garantir palavras e sentidos fiéis ao original. Às vezes não temos em Português o termo correspondente; ou eles acabam sendo entendidos de modo diferente do original, p. ex. “poder”, “milagre”. Conclusão: busque informação confiável quando não tiver clareza.

A interpretação da Bíblia teve crises por ser interpretada ao pé da letra e imposta ao povo. Uma solução: cada um entenda como achar. Mas se viu que isso leva a fragmentar e mesmo separar as pessoas em vez de unir. No final do séc. 19 os estudos científicos começaram a ajudar muito a perceber que cada texto bíblico tem recursos de linguagem, e tem um contexto importante para se entender a mensagem que está passando. E a Igreja assume então que precisa um bocado mais de crítica para interpretar, mas buscando isso em comunidade para nos unir e não dividir. E quando uma interpretação não for coerente com as práticas e ensinamentos fundamentais de Jesus, será sinal de alerta que a interpretação estará errada. A Igreja tem oferecido vários documentos de orientação e o Papa Francisco tem sido extraordinário em incentivar a busca dos sentidos fundamentais da fé cristã, na interpretação da Palavra de Deus. Certamente ainda nos falta crescer muito em tudo isso, mas juntos e de coração aberto vamos aprendendo, pois, sem a gente perceber, Jesus caminha conosco como fez com os discípulos de Emaús (Lc 24,15ss.).

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pe. Márcio Fabri dos Anjos, C.Ss.R., em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.