Por Rádio Aparecida Em Notícias Atualizada em 03 JAN 2019 - 15H05

Carta de centrais sindicais a Bolsonaro pede diálogo em defesa do trabalhador



As seis maiores centrais sindicais do Brasil, incluindo a CUT e a Força Sindical, manifestaram ao presidente Jair Bolsonaro a disposição de construir um diálogo em benefício dos trabalhadores.

Em uma carta aberta, as entidades destacaram que as maiores preocupações são o destino da política de valorização do salário mínimo, do fundo de garantia, seguro desemprego, abono salarial, das políticas de intermediação de mão de obra e de qualificação profissional.

Para o secretário geral da Força Sindical, João Carlos Gonçalves, a situação dos trabalhadores e dos mais de 12 milhões de desempregados é delicada e exige cuidado. Ainda destacou o receio das centrais sindicais com o tom liberal adotado pelo novo governo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.