Por Dr Bactéria Em Notícias

Sobrou comida na ceia de Natal? O que fazer ?

Depois da ceia, temos peru pela metade, um punhado de maionese na travessa, a sobremesa que ninguém levou para casa. O que fazer?
desta_que_novo
Alimentos perecíveis, segundo o Dr. Bactéria, não podem ficar por mais de duas horas expostos à temperatura ambiente. Depois disso deve-se jogar a comida fora, mesmo se ela estiver sobre o fogão “protegida” por um paninho.

Depois dessas duas horas, bactérias como a Staphylococcus aureus e a Bacillus cereus começam produzir toxinas altamente resistentes a temperaturas elevadas.

As comidas não podem ser guardadas depois de servidas ou a espera nas panelas que foram usadas para prepará-las, elas podem ser contaminar com micro-organismos.

Não confie na sua capacidade de “ver” se o alimento está bom para o consumo, alerta o Dr Bactéria. As bactérias patogênica não alteram as características do alimento.

Se você quiser reaproveitar as sobras, é preciso guardar a comida na geladeira antes do limite de duas horas, mesmo se ela estiver quente. Nunca cubra os alimentos assim que os colocar para refrigerar, só depois de duas horas de geladeira eles podem ser cobertos. A farofa do recheio das aves precisa ser refrigerada separadamente.

Se seguir esses conselhos, sua ceia de Natal continuará própria para o consumo por até cinco dias. Para descongelar, use a geladeira. Na hora de colocar a comida de volta na mesa, é preciso reaquecer até pelo menos 75ºC a 80ºC e, de novo, não permitir que ela fique à temperatura ambiente por mais de duas horas. O que sobrar, jogue fora! Nada de comer a sobra da sobra!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Dr Bactéria, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.