Por Rádio Aparecida Em Notícias Atualizada em 21 JAN 2019 - 09H10

Supremo Tribunal Federal suspende investigação do ex-motorista da família Bolsonaro


Nenhuma legenda adicionada



O Supremo Tribunal Federal suspendeu a investigação criminal do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, que apura movimentações financeiras atípicas de Fabrício Queiroz, ex-assessor do Senador Flávio Bolsonaro. Queiroz movimentou R$1,2 bilhão em um ano. A decisão liminar foi tomada pelo ministro Luiz Fux, a partir de reclamação de Flávio. Os argumentos usados no recurso não foram divulgados, pois o procedimento está em segredo de justiça.

Roberto Romano, professor de Ética, afirma que a decisão é imoral: “Acredito que seja legal que o Flávio peça qualquer coisa. Agora, que o Ministro Fux dê uma liminar suspendendo uma investigação, é algo que não é apenas antiético”, ponderou Romano.

Confira a reportagem completa:


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.