Por Valquíria Vieira Em Brasil

Dia Nacional de combate ao Fumo: O que parece inofensivo pode trazer prejuízos graves a saúde

combate_ao_fumo_2015Neste sábado (29) é o Dia Nacional de Combate ao Fumo e no Brasil a campanha desse ano chama a atenção para os malefícios do narguilé com o tema : “Parece inofensivo, mas fumar narguilé é como fumar 100 cigarros”.

O narguilé, também conhecido como cachimbo d’água, é vendido como peça de decoração e usado por jovens e adultos em festas e eventos sociais.

O portal A12.com conversou com o setor de comunicação do INCA (Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva) que falou sobre o que é importante se conscientizar sobre o tabagismo.

“É importante lembrar que o tabagismo é uma doença em decorrência da dependência à droga nicotina e tem relação direta com cerca de 50 doenças. Além dos danos causados diretamente à saúde dos fumantes, o tabagismo atinge também os não fumantes que convivem com fumantes em ambientes fechados, os denominados fumantes passivos. O tabagismo passivo pode acarretar desde reações alérgicas (rinite, tosse, conjuntivite, exacerbação de asma) em curto período, até infarto agudo do miocárdio, câncer de pulmão e doença pulmonar obstrutiva crônica (enfisema pulmonar e bronquite crônica) em adultos expostos por longo período”.

 

"O narguilé não tem nada de inofensivo. É prejudicial à saúde. E pode ser a porta de entrada para a dependência do tabaco e de outras drogas"

Para o Dia Nacional de Conscientização ainda é possível destacar algumas conquistas sobre o combate ao fumo no País.

“No Brasil, como resultado das importantes ações de controle do tabaco desenvolvidas, a prevalência de tabagismo vem diminuindo ao longo dos anos. Em 1989 o percentual de fumantes de 18 anos ou mais no país era de 34,8%. Já em 2013, de acordo com pesquisa mais recente para essa mesma faixa etária em áreas urbanas e rurais, este número caiu para 14,7%”.

“Parece inocente, mas o que muitos não sabem é que o narguilé causa dependência e, em longo prazo, câncer de pulmão, boca e bexiga, aterosclerose e doenças respiratórias e coronarianas. Além disso, ao compartilhar o narguilé com outros usuários, você se expõe a herpes e outras doenças da boca, hepatite C e tuberculose. E o que quase ninguém sabe é que, em uma sessão de uma hora de uso do narguilé, você inala o equivalente à fumaça de 100 a 200 cigarros. O narguilé não tem nada de inofensivo. É prejudicial à saúde. E pode ser a porta de entrada para a dependência do tabaco e de outras drogas”.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Valquíria Vieira, em Brasil

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.