Por Pe. Antônio Queiroz, C.Ss.R Em Histórias de Vida

A estrada que precisava de luz

Havia, certa vez, uma estrada que precisava de luz. Construíram ao lado dela uma mesa bem alta e contrataram uma moça para ficar em cima, com uma vela acesa, a fim de iluminar a estrada.

A jovem passava a noite ali, iluminando para todos os que passavam. Ela zelava para que a vela não se apagasse com o vento. Mas, às vezes, o vento era muito forte e a apagava. Mas alguém que passava na estrada jogava uma caixa de fósforos e ela a acendia novamente.

Às vezes chovia, fazia frio, era difícil para ela. Por isso a garota procurou o patrão e pediu as contas. O patrão lhe disse:

- Filha, não temos outra pessoa para fazer esse serviço, e sem ele os passantes trombam uns com os outros, caem em buracos, além dos assaltantes que gostam do escuro. Por isso pense bem. Ela pensou e decidiu continuar no emprego.

Essa jovem somos nós, e a vela é o nosso testemunho. Somos luz no nosso ambiente. Sem os cristãos católicos, o mundo ficaria escuro, triste e perigoso. Mas não é fácil manter nossa vela acesa. É preciso muita garra e determinação.

Escrito por
Padre Antônio Queiróz dos Santos (Pe. Antônio Queiroz, C.Ss.R)
Pe. Antônio Queiroz, C.Ss.R

Mais conhecido como Padre Queiróz (in memoriam) recolheu ao longo de seu ministério centenas de histórias que falam de forma simples e popular da fé e das realidades do povo de Deus.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pe. Queiróz, C.Ss.R., em Histórias de Vida

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.