Por Pe. Antônio Queiroz, C.Ss.R Em Histórias de Vida

Lubrificar o mundo

Certa vez, um doente grave estava em um quarto modesto e pedia silêncio. Mas a velha porta rangia nas dobradiças, cada vez que entrava um médico, uma enfermeira, um parente ou amigo do doente. Assim, não havia condições adequadas para o sono, tão necessário àquele enfermo.

Em determinado momento, chegou um amigo, que o havia visitado, e pingou umas gotas de óleo nas dobradiças. Assim, a porta silenciou-se completamente.

A lição vale para a nossa vida. Muitas vezes, há tumulto dentro de nossos lares, no ambiente de trabalho, numa reunião qualquer. São as dobradiças das relações fazendo barulho inconveniente. Nós podemos apresentar a nossa cooperação com algumas gotas de compreensão, e assim a situação mudará.

Algumas gotas de perdão, de paciência, de carinho, de solidariedade ou de amor podem lubrificar as relações, recuperando a paz que é tão necessária. Umas gotas de afeto e de amizade podem às vezes lubrificar as engrenagens e recuperar a alegria. Às vezes são necessárias apenas algumas gotas de silêncio.

Vamos carregar sempre conosco uma bisnaga de óleo lubrificante, o óleo da paciência, do amor e da boa palavra, para que, não só os doentes, mas todos se sintam bem.

Escrito por
Padre Antônio Queiróz dos Santos (Pe. Antônio Queiroz, C.Ss.R)
Pe. Antônio Queiroz, C.Ss.R

Mais conhecido como Padre Queiróz (in memoriam) recolheu ao longo de seu ministério centenas de histórias que falam de forma simples e popular da fé e das realidades do povo de Deus.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pe. Queiróz, C.Ss.R., em Histórias de Vida

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.