Por Marília Ribeiro Em Igreja

Censo da Pastoral da Saúde visa planejar e orientar a ação dos agentes em todo o Brasil

A Pastoral Nacional da Saúde está realizando neste ano, um censo com o objetivo de buscar informações dos agentes sobre as dificuldade e atividades desenvolvidas nos Regionais, Arquidioceses e Dioceses. A previsão é de que até o final de segundo semestre de 2016 a pesquisa esteja concluída.

Foto: Valdivo Pereira

Pastoral da Saude

Alex Motta, coordenador da Pastoral da Saúde Nacional-CNBB explica que com a conclusão do censo a pastoral pretende elaborar um planejamento que permita avançar na qualidade e na quantidade do serviço desenvolvido pelo grupo.

“Pretendemos elaborar um planejamento plurianual que nos permita avançar na qualidade e na quantidade do serviço que esta Pastoral desenvolve nas suas três Dimensões.”

Segundo levantamentos anteriores a pastoral conta com cerda de 100 mil agentes da Saúde em todo o Brasil, o número exato será confirmado com o fim do censo.

A pastoral da Saúde visa ações de prevenção às doenças, orientação e visita aos enfermos e contribui para a defesa dos direitos de todos os cidadãos quanto ao acesso aos serviços de saúde pública com qualidade.

“Como parte integrante da Igreja e como Pastoral Social que é, está atuando nas nossas paróquias como Igreja samaritana, desde quando visita as pessoas enfermas, quando realiza junto à comunidade ações de prevenção às doenças, assim como quando participa e estimula a participação de seus agentes nas Conferências e Conselhos de Saúde”, frisou Alex.

De acordo com o coordenador nacional atualmente os regionais Leste 1 e 2 e Sul 1, 2, 3 e 4 tem as atividades da Pastoral da Saúde com maior frequência. Com o censo espera identificar os Regionais, Arquidioceses e Dioceses com dificuldades e demais problemas em sua atuação.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Marília Ribeiro, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.