Por Polyana Gonzaga Em Igreja

Dom João Bosco: ‘O que sustenta as famílias é o ‘amor’ que Jesus ensinou e viveu’

Foto de: A12.com

7ª Peregrinação e 5º Simpósio Nacional da Família

Famílias de diferentes regiões do Brasil se reuniram, neste final de semana (30 e 31 de maio), em Aparecida (SP) para a 7ª Peregrinação e 5º Simpósio Nacional da Família, no Santuário de Aparecida.

No sábado (30), o evento reuniu mais de duas mil pessoas no Centro de Eventos Padre Vítor Coelho de Almeida para o 5º Simpósio Nacional da Família. Com debates e palestras, o Simpósio buscou refletir a missão da família em anunciar o evangelho com o tema “O amor é a nossa missão: a família plenamente viva”. 

Neste domingo (31), as reflexões das celebrações na Basílica de Aparecida foram voltadas para a temática das famílias e seus valores.

O Presidente da Comissão Episcopal para a Vida e a Família, dom João Bosco de Souza lembrou que o Papa Francisco oferece uma proposta muito bonita, brotada no coração de Jesus, para guiar as famílias do mundo.

Para o bispo o que sustenta as famílias é o ‘amor’ e não é qualquer amor, mas aquele que Jesus ensinou e viveu.

“Nós temos que estar unidos diante de toda essa transformação cultural que está havendo no mundo. E o Papa Francisco nos oferece um caminho muito claro do que devemos buscar como alimento para as nossas famílias. O que quero dizer para as famílias é que temos uma proposta muito bonita, brotada do coração de Jesus, para oferecer para o mundo carente, necessitando de um caminho claro para ser seguido”, completou o bispo.

Foto de: A12.com

7ª Peregrinação e 5º Simpósio Nacional da Família

Atuando há 10 anos na Pastoral Familiar da cidade de Caiabu (SP), pertencente a Diocese de Presidente Prudente, Mereida Marques, veio ao Santuário Nacional, com sua família, para participar da 7ª Peregrinação e 5º Simpósio Nacional.

“Participamos de todas as peregrinações da família e sempre voltamos para casa cobertos de bênçãos e enriquecidos da Palavra de Deus, para desta forma, poder fortalecer as famílias do nosso município, da nossa diocese”, afirmou.

O bispo de Camaçari (BA) e antecessor de dom João Bosco na Comissão Episcopal para a Vida e a Família, dom João Carlos Petrini, também deixou uma mensagem para as famílias presentes em Aparecida.

A peregrinação e o simpósio tem um extraordinário significado para ajudar as famílias a perceber sua própria realidade. É um momento de encontrar-se, trocar experiências, ouvir um aprofundamento. Os testemunhos ajudam a fortalecer a própria consciência e, ao mesmo tempo, a dar-se conta das ameaças. Nós vivemos um tempo muito especial. Hoje a família é uma fonte inesgotável de realização humana, mas deve ser escolhida”, afirmou dom Petrini, que também recomendou que as famílias continuem ligadas a Pastoral Familiar ou a outros movimentos da Igreja e para que assim possam compartilhar a sua caminhada de fé.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Polyana Gonzaga, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.