Por Redação A12 Em Igreja

Igreja do Rio organiza celebrações do Ano da Esperança na Arquidiocese

A Arquidiocese do Rio de Janeiro se prepara para o envio de seus missionários para o anúncio da esperança cristã, pois "Cristo é nossa esperança", por ocasião do Ano da Esperança, contemplado pelo 11º Plano de Pastoral de Conjunto, que coloca dessa forma a Igreja carioca em permanente estado de missão.

Foto de: Divulgação

catedral-metropolitana do rio de janeiro

Catedral Metropolitana do Rio de Janeiro

No próximo dia 5 de julho, às 10h, haverá a celebração do envio dos missionários, na Catedral de São Sebastião, com a presença missionária da imagem peregrina de Nossa Senhora Aparecida, que vem visitando todas as dioceses do Brasil, em vista da cerimônia pelos 300 anos do encontro imagem histórica no rio Paraíba.

O Arcebispo do Rio de Janeiro, Cardeal Orani João Tempesta, acompanhado de uma comissão, embarca com destino a Aparecida no dia 4 de julho, quando receberá a imagem peregrina da Padroeira do Brasil, durante Santa Missa no Santuário Nacional.

Segundo o coordenador de pastoral, Monsenhor Joel Portella Amado, "essa é uma forma de retribuir a visita dos romeiros ao santuário da padroeira que recebe mais de 10 milhões de peregrinos por ano".

"Nossa Senhora vem ao encontro daqueles que ainda não tiveram a oportunidade de visitar o santuário, porém a simples presença da mãe de Deus e da Igreja faz com que cada cristão perceba a importância da vontade de Deus, através do ‘sim' verdadeiro de Maria", completou Monsenhor Joel Portella.

Ainda conforme o religioso, a Imagem de Nossa Senhora Aparecida realizará ainda uma peregrinação pelos vicariatos da Igreja do Rio de Janeiro, conforme a programação disponibilizada pelo site da Arquidiocese.

"O que orientamos durante a peregrinação é que a imagem não fique restrita aos locais tradicionais, mas que ela seja a maior e a primeira grande missionária, de modo que passe nos lugares onde não exista a presença da Igreja, e que ela seja um caminho para a abertura de novas formas da presença católica nesses territórios", disse.

A réplica de Nossa Senhora ao Santuário acontecerá na tradicional romaria arquidiocesana à Aparecida, que ocorre há cerca de 100 anos, e que neste ano, será feita no dia 29 de agosto.

Nos meses de setembro a novembro, será realizada a missão continental, sendo seu conteúdo aplicado também na Novena de Natal, abordando a temática do Ano da Esperança. Essa é vista como uma oportunidade de continuidade à missão, ao anúncio do Evangelho.

E na véspera da Solenidade de Cristo Rei, na Festa da Unidade, 21 de novembro, ocorre a missa em ação de graças pelo Ano da Esperança.

"O Papa Francisco convida todos os batizados a não se fecharem, mas a sair das próprias comunidades e ter a audácia de chegar até as periferias, humanas e sociais, que necessitam da graça de Deus, com a intercessão de Maria, mãe da Igreja", reforçou Monsenhor Joel. 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.