Por Redação A12 Em Igreja

Papa Francisco aceita renúncia do bispo da Diocese de Bagé

CNBB
CNBB

O Vaticano anunciou nesta quarta-feira (06), a decisão do Papa Francisco em acolher o pedido de renúncia apresentado por Dom Gílio Felício, bispo da Diocese de Bagé, no Estado do Rio Grande do Sul.

Em 1998, Dom Gílio foi nomeado bispo auxiliar da arquidiocese de Salvador pelo Papa João Paulo II. Ele escolheu como lema de vida episcopal “Evangelizar a todos”. Nesta arquidiocese criou a Pastoral Afro.

Foi nomeado bispo da diocese de Bagé, no Rio Grande do Sul em dezembro de 2002 e tomou posse em março de 2003. Até 2007 foi o coordenador nacional da Pastoral Afro Brasileira. Desde 2011 era membro do Conselho Econômico e Social do Estado do Rio Grande do Sul.

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), por meio de uma mensagem, agradece a Dom Gílio pelo trabalho pastoral realizado na Igreja. E destaca uma caminhada de grande empenho pela evangelização, “O testemunho dado pelo povo a respeito de sua pessoa e do seu ministério contém elementos que nos levam a louvar bendizer a Deus, principalmente no combate e na superação do racismo no Brasil”.

A mensagem foi assinada pelo secretário geral da CNBB, Dom Leonardo Steiner.

Fonte: CNBB - www.cnbb.org.br

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.