Por Redação A12 Em Igreja

Pastoral da Saúde do Nordeste lança projeto de combate à hanseníase

Foto de: Arquidicese de Olinda e Recife.

campanha_hanseniase

A Pastoral da Saúde do Regional Nordeste 2 que abrange os Estados de Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte, em parceria com o Ministério da Saúde e a Prefeitura do Recife lançou no início desse mês o Projeto Anjos da Pastoral no Controle Social da Hanseníase. A ação engloba 17 Paróquias na capital e visa realizar ações solidárias, de educação em saúde, e participação social, para fortalecer a luta contra a hanseníase. 

A hanseníase, antes conhecida como lepra, hoje tem tratamento que dura entre um ano ou mais, de acordo com o tipo de tratamento, e se caracteriza por manchas na pele que não têm sensibilidade e se não tratadas, deixam sequelas. No Brasil, um índice negativo indica que 10% das pessoas já chegam aos postos de saúde com sequelas e por isso há necessidade de uma maior divulgação sobre a doença.

O projeto teve início no último dia 02 com a realização da primeira "Tenda da Mancha" no Morro da Conceição, Zona Norte do Recife, e com a inauguração da Ouvidoria Popular do projeto. 

Com a participação de médicos e técnicos da área da saúde, além de autoridades como o Arcebispo de Olinda e Recife (AOR), Dom Fernando Saburido, o secretário de Saúde do Recife, Jaílson Barros e a representante Regional do Ministério da Saúde, Maria de Fátima Elani foram atendidas cerca de 100 pessoas. Nessa primeira ação foram identificados dois casos de hanseníases.

Para a representante o Ministério da Saúde, Maria de Fátima Elani, o projeto se diferencia por conseguir identificar e beneficiar às pessoas mais carentes. “Com a capacidade de abranger a população mais carente isso é muito importante porque a saúde no Brasil está muito deficiente. Então, com a ajuda de todos esses projetos que identificam, de fato, às pessoas que mais necessitam, trazem a elas a situação de realmente resolver as questões mais básicas da saúde”, enfatizou.

Segundo o coordenador da Pastoral da Saúde do Nordeste 2, Vandson Holanda, a iniciativa irá percorrer Paróquias do Recife para conscientizar a população e fortalecer a luta contra a hanseníase. “Esse projeto deverá ajudar às pessoas acometidas pela hanseníase a não abandonar o tratamento, bem como, vamos buscar formas de contribuir para minimizar o mal que ela causa nas comunidades carentes”, destaca. 

Vívian Coutinho, coordenadora administrativa do projeto, informa ainda que a Pastoral da Saúde fará o acompanhamento de 25 pessoas durante um ano; período de um dos tipos de tratamento para a doença.

"Nós iremos acompanhar 25 casos de pessoas com a doença no Recife em sua casas. Eles serão visitados mensalmente pelos agentes, os 'anjos', que vão orientar essas pessoas quanto ao tratamento para que não abandonem porque a hanseníase tem cura", disse ao A12. 

Campanha reúne organizações governamentais e Igreja para combater hanseníase.
Campanha reúne organizações governamentais e Igreja para combater hanseníase.

Com relação à Ouvidoria Popular, a coordenadora esclarece que outros órgãos já fazem esse trabalho, a razão de ser de mais essa iniciativa é ajudar a encaminhar essas pessoas para os serviços oferecidos pela rede de saúde local.  

Tenda da Mancha – A Tenda da Mancha atuará em Paróquias do Recife e contará com o apoio de técnicos e voluntários da saúde que repassarão informações sobre o cuidado com a saúde e destaque para doenças de pele, cadastramento de pacientes e de voluntários, distribuição de materiais informativos e atendimento médico e de enfermagem. Deve ocorrer mais três atividades como essa. Já a Ouvidoria Popular, que também foi inaugurada na ação, atuará como canal de comunicação e solidariedade para os acometidos pela doença através dos contatos: (81) 3877-5437 ou (81) 99693-9018 (Whatsapp).

A data de 31 de janeiro é dedicada mundialmente ao combate à Hanseníase. O Brasil é o país que concentra o maior número de casos e o único que não está em processo de eliminação da doença, segundo a Organização Mundial da Saúde. 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.