Por Valquíria Vieira Em Igreja

Reitor do Santuário de Fátima fala da expectativa para a grande celebração do Centenário

As comemorações do Centenário de Fátima em Portugal começaram em 2010 e se aproxima do ponto alto que será celebrado em 13 de maio de 2017.

Sanruario_Fátima.jpg

O reitor do Santuário de Fátima padre doutor Carlos Cabecinhas detalhou os objetivos dessa grande festa.

 

"...aprofundar a Mensagem de Fátima significa percorrer aspetos importantes da fé cristã e (re)descobrir a beleza fascinante do amor de Deus".

“O principal objetivo foi fazer festa no Santuário acrescentando ao seu ritmo celebrativo um programa cultural que alargasse e cativasse os diferentes públicos de Fátima, incluindo as dimensões próprias de toda a celebração: memória dos acontecimentos passados; busca de equilíbrio entre individualidade e comunidade, entre evocação das aparições e reflexão sobre a mensagem, entre ritualidade e oração, convívio e festa, inserção no quotidiano e marcas do extraordinário[...] Trata-se de reafirmar que uma autêntica devoção a Maria aponta necessariamente para a centralidade de Deus na vida de todo o crente, compreendendo, assim, que aprofundar a Mensagem de Fátima significa percorrer aspetos importantes da fé cristã e (re)descobrir a beleza fascinante do amor de Deus”, colocou.

:: História das aparições em Fátima será contada em filme 3D
:: Processo de canonização da Irmã Lúcia é encaminhado ao Vaticano

As festividades do Centenário de Fátima estão envolvendo o povo Português e peregrinos de diversas partes do mundo.

O número de devotos, de peregrinações organizadas e os que participam de forma espontânea em todas as celebrações que o Santuário oferece, são muitos só no ano de 2016 quase 10 mil, participaram das missas, vias sacras, procissões, meditações do Rosário, entre outras atividades. A expectativa é envolver mais de 5 milhões de pessoas, um pouco mais de metade do número de residentes em Portugal.

 

"...vamos ter Portugal e grande parte do mundo cristão, devoto de Maria, a rezar com o Papa em Fátima, pela Paz e pelas intenções da igreja”.

“Para a dimensão do nosso país trata-se, de fato, de uma presença muito significativa e por isso só podemos esperar que se mantenha este crescimento, até porque vivemos os cem anos das Aparições, uma data que será coroada pela presença do Papa Francisco na primeira grande peregrinação internacional aniversária do centenário. E, bem sabemos que de cada vez que o Papa peregrina é toda a igreja que o faz com ele. Por isso, a nossa expetativa só pode ser otimista. Restarão poucas dúvidas de que vamos ter Portugal e grande parte do mundo cristão, devoto de Maria, a rezar com o Papa em Fátima, pela Paz e pelas intenções da igreja”, espera padre Carlos.

:: Papa Francisco visitará Fátima em Portugal por ocasião do Centenário das Aparições
:: 'Com Maria, peregrino na esperança e na Paz' será o lema da visita do Papa a Fátima

O reitor do Santuário de Fátima aponta uma forma de os fiéis vivenciarem o centenário de Fátima da melhor maneira,renovando o compromisso com aquela que é a mensagem de Fátima: oração, penitência e conversão.

“O mundo precisa da nossa oração; os homens precisam de regressar a Deus sem medo, cientes da grandeza e da bondade do seu coração. Foi isso que há cem anos tanto cativou os três pastorinhos. Precisamos de ver neles um exemplo de entrega e de encontro com Deus. Neste ano do centenário, que o Santo Padre, consagrou como um ano jubilar em Fátima, somos todos desafiados a unir-nos em oração com o Papa Francisco e fazermo-nos, como ele, Peregrino do Centenário”.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Valquíria Vieira, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.