Por Laura Galvão Em Igreja

Renovação Carismática celebra Jubileu de Ouro no Santuário Nacional

A Renovação Carismática Católica do Brasil comemorou neste final de semana, no Santuário Nacional de Aparecida, seus 50 anos de início no mundo. A celebração contou com Missa, procissão, shows e a presença da liderança do Movimento do Brasil e do mundo.

Na manhã deste domingo (02) foi celebrada a missa de encerramento do evento, presidida por Dom Alberto Taveira, assessor eclesiástico da RCC do Brasil, e concelebrada por Dom Orlando Brandes, arcebispo de Aparecida, e Dom Antônio Carlos Altieri, bispo emérito de Passo Fundo. 

 

Numa homilia calorosa, Dom Orlando disse que o evento de comemoração dos 50 anos do Movimento foi um presente para Aparecida, que também comemora seu jubileu neste ano.

Recordando o Evangelho, afirmou que Pedro foi liberto das correntes que o prendiam e de cerca de 15 soldados que o guardavam. E acrescentou: “Quem tem o Espírito Santo é um homem perigoso para o mundo. As correntes arrebentadas na prisão e aquelas diante da imagem de Aparecida são uma experiência que todos nós aqui já fizemos. Estamos livres graças ao Espírito Santo”.

Para o arcebispo de Aparecida, “a RCC tem um coroamento de 50 anos de experiências fortes, que mudaram a vida de todos nós, de nossas comunidades, e da Igreja de todo o Brasil, porque o Movimento é uma corrente de graças”.

A presidente do Conselho Nacional da RCC do Brasil, Katia Zavariz, diz que é extremamente importante para o Movimento celebrar seu jubileu no Santuário Nacional:

“Maria é a estrela da evangelização, a Rainha da Renovação Carismática Católica. Maria esteve presente no Cenáculo e a RCC, que tem sua identidade no Batismo do Espírito Santo, jamais pode caminhar sem a presença da Mãe. Então, é a união da Mãe com o Espírito Santo, na graça, no clamor e no anúncio de que o filho dela é Jesus Cristo, o Senhor“.

Procissão Luminosa e Noite de Louvor

Na noite de ontem, outra atividade do jubileu deixou a Casa da Mãe ainda mais bela. Milhares de pessoas partiram em uma procissão luminosa da Matriz Basílica até o Santuário de Aparecida. Com velas às mãos, os carismáticos rezaram e preparam o coração uma noite de oração com Maria.

Já no Santuário Nacional foi feito um momento de show, teatro, louvor e oração pelo Brasil. A celebração também contou com a presença da americana Patti Gallagher, uma das pioneiras da RCC no mundo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Laura Galvão, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.