Por Redação A12 Em Evangelhos

10º Domingo do Tempo Comum – Ano B


Reflexão: Pe. Luiz Camilo Jr - C.Ss.R
Interprete: Kiara Maria Socuta Quintanilha

Evangelho Deus Conosco dia a dia – Editora Santuário

(Mc 3,20-35)
Naquele tempo, Jesus voltou para casa com os seus discípulos. E de novo se reuniu tanta gente que eles nem sequer podiam comer. Quando souberam disso, os parentes de Jesus saíram para agarrá-lo, porque diziam que estava fora de si. Os mestres da lei, que tinham vindo de Jerusalém, diziam que ele estava possuído por belzebu, e que pelo príncipe dos demônios ele expulsava os demônios. Então Jesus os chamou e falou-lhes em parábolas: “como é que satanás pode expulsar a satanás? Se um reino se divide contra si mesmo, ele não poderá manter-se. Se uma família se divide contra si mesma, ela não poderá manter-se. Assim, se satanás se levanta contra si mesmo e se divide, não poderá sobreviver, mas será destruído. Ninguém pode entrar na casa de um homem forte para roubar seus bens, sem antes o amarrar. Só depois poderá saquear sua casa. Em verdade vos digo: tudo será perdoado aos homens, tanto os pecados, como qualquer blasfêmia que tiverem dito. Mas quem blasfemar contra o Espírito Santo, nunca será perdoado, mas será culpado de um pecado eterno”.
Jesus falou isso, porque diziam: “ele está possuído por um espírito mau”. Nisso chegaram sua mãe e seus irmãos. Eles ficaram do lado de fora e mandaram chama-lo. Havia uma multidão sentada ao redor dele. Então lhe disseram: “tua mãe e teus irmãos estão lá fora à tua procura”. Ele respondeu: “quem é minha mãe, e quem são meus irmãos?” E olhando para os que estavam sentados ao seu redor, disse: “aqui estão minha mãe e meus irmãos. Quem faz a vontade de deus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe”.
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

REFLEXÃO
No Evangelho vemos Jesus expulsando os “demônios”, combatendo todas aquelas situações que diminuem a vida e que ferem a dignidade das pessoas e que, por isso mesmo, precisam ser expulsas para que o ser humano viva e viva em plenitude. Ao fazer isso, Jesus é criticando até mesmo pelos próprios familiares que o chamam de louco. As acusações sofridas por Jesus são as mesmas que sofrem hoje todos os que lutam para a construção do Reino de Deus e colocam suas vidas em constante luta para expulsar toda forma de mal que impendem as pessoas de terem vida, justiça e paz. Porém, só podemos expulsar o mal com a força que vem do amor de Deus. Por isso no Evangelho Jesus alerta que só pode fazer o bem quem é do bem. O Demônio não pode expulsar o demônio, pois ele sendo o mal, jamais realizaria uma ação boa em favor do bem de uma pessoa, e nenhum gesto do demônio seria para promover a vida. Por isso Jesus rebate fortemente aqueles que atribuem ao demônio o que é obra de Deus. Nisso consiste o pecado contra o espírito Santo, atribuir a ação do mal aquilo que só pode ser ação de Deus em favor da vida. Então Jesus nos ensina que é preciso primeiro se livrar do mal para depois ser capaz de fazer o bem, por isso ele expulsa tudo o que é mal do coração humano, para que o bem volte a triunfar. Jesus também chama a atenção para o perigo das divisões que às vezes surgem na família e nas comunidades. Tudo que se divide enfraquece. A divisão gera destruição e morte. Por isso o demônio é justamente a força que divide, para enfraquecer e assim poder dominar. Jesus luta contra tudo o que possa dividir o ser humano, para que na união e na comunhão do amor o mal seja vencido, dentro e fora da pessoa. E no final do Evangelho Jesus vai dizer que é sua família quem em tudo faz a vontade do Pai do céu, como fez Maria. Seremos então de verdade a família de Jesus quanto mais fizermos com amor a vontade de Deus.

Site oficial: https://www.a12.com
https://www.facebook.com/portala12
https://twitter.com/portal_a12
Contato: contato@a12.com

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Evangelhos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.