Por Redação A12 Em Evangelhos Atualizada em 03 JUN 2020 - 10H08

Evangelho em Libras | Solenidade da Santíssima Trindade – Ano A

Reflexão: Padre Marcelo Magalhães - C.Ss.R.
Intérprete: Kiara Maria Socuta Quintanilha

(Jo 3,16-18)

Deus amou tanto o mundo, que deu o seu Filho unigênito, para que não morra todo o que nele crer, mas tenha a vida eterna. De fato, Deus não enviou o seu filho ao mundo para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por Ele. Quem nele crê, não é condenado, mas quem não crê, já está condenado, porque não acreditou no nome do filho unigênito.

- Palavra da Salvação.
- Glória vós Senhor!


Reflexão

A Solenidade da Santíssima Trindade nos coloca diante do mistério de Deus, com toda sua grandeza, e revela o seu infinito amor por nós. Celebrar a Santíssima Trindade não é celebrar três deuses, mas um único Deus em três pessoas: a pessoa do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Um Deus que se revela no seu mistério porque nos ama infinitamente e quer que o conheçamos e o encontremos.

.:: O que é a Santíssima Trindade?

O Evangelho desta solenidade fala diretamente deste amor de Deus pai pelos seus filhos, pela humanidade e pelo mundo. São João afirma que: “Deus tanto amou o mundo que deu o seu filho unigênito, para que não morra todo o que nele crer, mas tenha a vida eterna”. 

Ao se fazer um de nós na pessoa do filho, Deus demonstra um gesto extremo de amor. Antes da encarnação, não se podia ver o rosto de Deus, mas quem vê o Cristo vê o Pai. Deus é mistério, assim o amor é o único meio de reconhecê-lo e de ele se revelar para nós. Por isso, o gesto narrado no evangelho de hoje é demonstração do seu imenso amor, porque nos ama, quer que tenhamos vida plena, vida eterna.

A Solenidade da Santíssima Trindade nos faz rezar o mistério do Deus que é em essência comunhão de amor. A Igreja continua a missão do filho, o verbo encarnado. Por isso a Santíssima Trindade é a imagem de como deve ser o amor na comunidade de fé, e a igreja, em sua comunhão de amor, deve ser a imagem da trindade santa. 

Toda nossa vida de fé acontece no mistério do Deus uno e trino. Somos batizados em nome da trindade. Somos abençoados em nome da Trindade. Somos morada de Deus. Cristo disse: “quem me ama, guarda minha palavra, e eu o pai o amaremos, e nele faremos nossa morada”. O pai e o filho nos habitam na força do espírito santo que ó dom do amor!

.:: Liturgia

.:: Deus Conosco Dia a Dia 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Evangelhos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.