Por Júnior Campos Em Música

O melhor de nós e o estrelismo...

Coral na comunidade - 640.jpg

Primeiramente vamos retomar com a Ir. Miria T. Kolling sobre “Os ministros do canto e da música”.

Em nossas comunidades, paróquias e santuários corremos o risco de cair num grande erro... O cantor(a), grupo de canto, ministério, coral, por vezes não utiliza toda sua musicalidade, não dá o máximo de si, ficando com medo de colocar toda a sua potencialidade musical para as celebrações, ou caindo no relaxo de achar que o que sabe fazer está bom.

Eis uma concepção errada que muitos fazem de achar que estamos fazendo um “show” nas celebrações para nos promover, se não tomarmos cuidado caímos neste pecado, mas nem sempre é isto o que pensamos e queremos...

coral_na_comunidade_estrelismo

Precisamos dar o melhor de nós!
A comunidade celebrante precisa fazer a experiência do mistério pascal,por isso como falamos no primeiro artigo: quem não tem voz para cantar, impede o bom desenvolvimento do grupo e impede que o povo de Deus se encontre com o sagrado. Se alguém não consegue progredir musicalmente no mesmo ritmo do grupo, é necessário buscar outras formas de ajuda-lo, pois a missa não é um laboratório, teste ou local para ensaio. Há pessoas que não tem habilidade musical como os demais, e isso partem de pessoas que acham que sabem cantar e querem estar à frente dos microfones. Por vezes até mesmo o próprio presidente da celebração que ao invés de cantar o que é dele como as orações da missa quer cantar tudo e por vezes cantar mal. Perdendo o povo, a celebração e a mensagem que seria passada.  Quando o padre canta que beleza! Mas se não canta que pena! É preciso buscar conhecimento para celebrar melhor. Precisamos conscientizar-nos de que todos nós temos uma função ministerial dentro da celebração e se não temos habilidade e capacidade no momento “hoje” que possamos esforçar para o “amanhã.”

                                                            Pe. Zezinho em uma palestra para os
                                                            músicos disse assim:
pe_zezinho

"    De nós a Igreja pede mais...
No Cristianismo não tem moleza, quem quiser improvisar vai perder-se, sem aprendizado constante, não se forma um bom time. O treinador não escala o sujeito mole, só aquele que faz esforço. Então quem gosta de futebol, sabe que o jogador que não treina fica de fora do time, na igreja não é assim, as vezes o sujeito sem esforço nenhum, muito charmoso, não estuda, não aprofunda, não quer aprender e fica repetindo a mesma coisa e ainda tem emprego e um palco para ele. Futebol não tem isso não, ou você dá o máximo ou você não é escalado. Então eles treinam para aprender a passar a bola, saber driblar, saber guardar suas posições e saber onde ir compactamente com o time, o treinador faz isso! Mas ninguém faz isso sem treinar isto é ascese. Ninguém se torna um bom guitarrista ou pianista se não treinar.”

O Aparecer... 
“Quer queira, quer não quem toca uma viola, um piano ou algum instrumento, quem tem um microfone, quem dirige o canto está aparecendo! Mesmo que não queira, aparece! Porque a sua voz vai acima dos outros, a sua presença na televisão atrai a atenção das pessoas. Você é dado ao espetáculo ao mundo. Se você quer ser cantor, se você quiser ser comunicador, se você quer um jovem que passe a palavra de Deus aos outros, você vai aparecer e a mística, a espiritualidade de aparecer é que é perigoso. Quem não sabe aparecer, cai em pecado, quem não sabe aparecer para os outros para mostrar Jesus, corre um grande risco de aparecer por aparecer.

O que você quer fazer com esta presença? Já que somos dados ao espetáculo não temos escolha, o Senhor nos chamou para isso, vocês vão ser chamarizes, vão chamar outros... Ele foi num palco, cantou, gravou CD mas não foi para ele, foi para trazer para o evangelho.

É preciso treinar, treinar, treinar para ser bom naquilo que faz, ser competente e é um ato de subir, elevar e levar o outro consigo. Somos chamados a subir os degraus da busca pelo melhor, não para nós, para a igreja.

Vocês são bonitos? É para a igreja! Vocês cantam bem? É para a igreja! Atraem gente? É para a igreja! Compõe bem? É para a igreja! Nada para você!"    


Temos uma bela e importante função na comunidade, mas é preciso tomar cuidado para não acontecer com que nossa celebração seja um “show” e façamos do altar nosso próprio palco esquecendo que Ele deve brilhar e não eu. Nós músicos precisamos crescer, ascender, subir, ter profissionalismo, mas em função do evangelho.

Pe. Ronoaldo Pelaquin nos traz em uma de suas músicas:
════════════════════════════════════════════════════════
 ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ 
 
Signum tuum luceat.
Teu sinal brilhe.
Signum tuum luceat.

Sinal que és tu, ó Maria,
sinal para iluminar
o caminho de quem quer, um dia,
o teu Filho Jesus encontrar.

Assim como tu, ó Maria.
sinal também eu quero ser
pra levar, como Jesus queria,
os irmãos para o Pai bendizer.

Farei tudo por ti, ó Maria,
para amar quem comigo caminha,
e viver sempre na alegria
pra que brilhe tua luz, não a minha.

 ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ ♫♪ 
════════════════════════════════════════════════════════
 

Cuidado!
Eis os 30 pecados do músico católico:

▐ 01» Fazer do altar um palco
▐ 02» Impor sempre seu gosto pessoal
▐ 03» Cantar por cantar
▐ 04» “Só toco se for do meu jeito”
▐ 05» Ir sempre contra a ideia da equipe de celebração e do padre
▐ 06» Escolher sempre as mesmas músicas
▐ 07» Nunca sorrir
▐ 08» Usar instrumentos desafinados
▐ 09» Tocar músicas de novela em casamento
▐ 10» Afinar os instrumentos durante a missa;
▐ 11» Colocar letra religiosa em música da “parada”
▐ 12» Nunca estudar liturgia
▐ 13» Não prestar atenção na letra do canto
▐ 14» Não ler o Evangelho do dia antes de escolher as músicas
▐ 15» Cantar forte demais no microfone, ou seja, o seu é sempre o mais alto
▐ 16» Volume dos instrumentos muito acima do volume dos microfones
▐ 17» Coral que canta tudo sozinho
▐ 18» Cantar só para exibir-se (estrelismo)
▐ 19» Distrair a assembleia com conversas paralelas durante a missa
▐ 20» Não avisar ao padre as horas que serão cantadas
▐ 21» Nunca ensaiar novas canções nem estudar o instrumento que ministra (voz, violão, teclado…)
▐ 22» Ensaiar tudo antes da missa
▐ 23» Cantar músicas desconhecidas
▐ 24» Usar roupa bem extravagante, que chame a atenção
▐ 25» Fazer de conta que está em um show de rock
▐ 26» Perder contato com a assembleia
▐ 27» Músicas fora da realidade e do tempo litúrgico
▐ 28» Fazer o máximo de barulho
▐ 29» Não ter vida interior ou oração com o ministério inteiro
▐ 30» Repetir no fim de cada celebração: “vocês são ótimos, eu sou apenas o máximo!”

O homem na liturgia não pode de modo algum celebrar a si mesmo! Que possamos crescer no conhecimento e na espiritualidade. De nós a igreja pede mais!

Que Maria nos ajude a sermos sinais de Deus na vida dos outros e possamos sempre cantar e viver: SIGNUM TUUM LUCEAT!


junior_camposMilton Campos Junior (Junior Campos) 

nasceu em Guaratinguetá (SP) no ano de 1990. Músico por vocação. Desde 2008 é organista e cantor no Santuário Nacional. Dedica-se a música litúrgica e ao canto coral. Adquiriu conhecimentos sobre o canto coral e regência no FUNARTE (Fundação Nacional de Artes) e em cursos de especialização. É Regente do coral Nossa Senhora Aparecida da Paróquia de Aparecida (SP) desde 2010. Atua em casamentos, assessora encontros e assembleias de música litúrgica e canto pastoral nas comunidades, paróquias e dioceses. Intérprete de diversas canções e produtor de vários trabalhos fonográficos.  

                                                                                                                                                                                        facebook_logo

 

 

 

Saiba mais:
Como formar e organizar um coral na sua comunidade
Regência
Regência com o olhar e gestual
A Visibilidade e cuidado com o nosso vestuário
A importância do dirigente do canto
O melhor de nós e o estrelismo...
Preparando o ensaio...

 

 

2 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Júnior Campos, em Música

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.