Por Paulo Neto Em Salmos Atualizada em 14 MAR 2018 - 11H06

Salmos em sua Essência | Ano B – 4º Domingo da Quaresma - Salmo 136


 


4º Domingo Quaresma
Cor: Roxo
Salmo - Sl 136,1-2.3.4-5.6 (R. 6a)

R. Que se prenda a minha língua ao céu da boca,
se de ti Jerusalém, eu me esquecer!

Junto aos rios da Babilônia 
nos sentávamos chorando,
com saudades de Sião.
Nos salgueiros por ali
penduramos nossas harpas. 

Pois foi lá que os opressores
nos pediram nossos cânticos;
nossos guardas exigiam
alegria na tristeza:
'Cantai hoje para nós
algum canto de Sião!' 

Como havemos de cantar 
os cantares do Senhor
numa terra estrangeira?
Se de ti, Jerusalém, 
algum dia eu me esquecer,
que resseque a minha mão! 

Que se cole a minha língua 
e se prenda ao céu da boca,
se de ti não me lembrar!
Se não for Jerusalém
minha grande alegria! 

Ficha técnica:
Paulo Neto - Músico
Gustavo Cabral - Cinegrafista da TV Aparecida
Mariane dos Santos

:: Acesse a Liturgia do dia


Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Paulo Neto, em Salmos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.