Por Redação A12 Em Santo Padre

A Semana Santa com o Papa Francisco

A Semana Santa é a data mais importante do calendário litúrgico da Igreja. No Vaticano, o Papa Francisco preside inúmeras celebrações. Na programação divulgada pela Santa Sé apenas o "Lava-pés" deverá ser celebrado fora do Vaticano. 

Papa Francisco preside missa no último Domingo de Ramos

A Semana Santa começou com o Domingo de Ramos, celebrado ontem (20), na Praça de São Pedro. Na missa desse dia, o Papa recordou que Jesus salvou a humanidade aniquilando-se e humilhando-se a Si mesmo. 

“Estes dois verbos nos indicam até que extremo chegou o amor de Deus por nós. Jesus aniquilou-Se a Si mesmo: renunciou à glória de Filho de Deus e tornou-Se Filho do homem. E não só… Viveu entre nós numa condição de servo: não de rei nem de príncipe, mas de servo. Para isso, humilhou-Se e o abismo da sua humilhação, que a Semana Santa nos mostra, parece sem fundo.” [Ouça a homilia completa]

A Semana Santa prossegue com o Tríduo Pascal da Paixão e Ressurreição do Senhor. Das três celebrações, a Vigília Pascal no Sábado Santo é o ponto culminante de todo o Ano Litúrgico. 

Programação

Na Quarta-Feira Santa, 23 de março, o Papa dará a sua catequese semanal, às 10h (6h00, hora do Brasil), como de costume. 

Na manhã da Quinta-feira Santa, 24 de março, Francisco preside a Santa Missa Crismal com a bênção e consagração dos santos óleos a partir das 9h30 (5h30, hora do Brasil), na Basílica de São Pedro. Concelebram cardeais, patriarcas, arcebispos, bispos e padres (diocesanos e religiosos). 

Foto de: L´Osservatore Romano

Papa Francisco lava o pé do filho de uma prisioneira de Roma nesta quinta-feira (Foto: Osservatore Romano)

Papa Francisco lava o pé do filho de uma
prisioneira de Roma nesta quinta-feira.

No período da tarde, o Papa preside a celebração a Santa Missa da Ceia do Senhor e o rito do Lava Pés, a partir das 17h30 (13h30, hora do Brasil). O local ainda não foi informado pela Santa Sé. No ano passado, o Papa lavou os pés de alguns presos e presas no Complexo de Rebibbia e visitou um centro destinado à reabilitação de pessoas com deficiência e idosos. 

Na Sexta-feira Santa, 25 de março, o Papa celebra a Paixão do Senhor, a Liturgia da Palavra com a tradicional Adoração da Cruz e o Rito da Comunhão, a partir das 17h00 (13h00, hora do Brasil), na Basílica de São Pedro.

Na noite deste dia, o Santo Padre participa na Via-Sacra que tradicionalmente é realizada no Coliseu de Roma, a partir das 21h15 (17h15, hora do Brasil). Ao final, o Papa deixa uma reflexão aos fiéis e concede a bênção apostólica. 

No Sábado Santo, 26 de março, Francisco preside à Vigília Pascal, a partir das 20h30 (16h30, hora do Brasil) com a bênção do fogo novo, no átrio da Basílica do Vaticano, o canto do Exulte, que proclama a Páscoa e os vários momentos da Liturgia da Palavra, Batismal e Eucarística.

Segundo antiquíssima tradição, esta noite de Sábado é “uma Vigília em honra do Senhor” (Ex. 12,42). Esta vigília celebrada na noite do Sábado Santo é o Centro da Liturgia de todo o Tríduo Pascoal. 

O Domingo de Páscoa, 27 de março, começa com a celebração da Eucaristia às 10h15 (6h15, hora do Brasil) na Praça de São Pedro. Em seguida, o Papa concede a Bênção ‘Urbi et Orbi’, (à cidade de Roma e ao mundo), às 12h00 (8h00, hora do Brasil), na varanda central da Basílica de São Pedro. 

O Programa Brasileiro da Rádio Vaticano transmitirá todos os eventos integralmente e ao vivo, com comentários em português. As cerimônias podem ser acompanhadas por Rádio, TV e Player. 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Santo Padre

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.