Por Redação A12 Em Santo Padre

Papa Francisco lava pés de detentos, entre eles um brasileiro

O Papa Francisco visitou na tarde desta Quinta-feira Santa, 02, a Igreja do Pai Nosso, em Roma, e a prisão de Rebibbia, onde celebrou a Missa da Ceia do Senhor. Durante a celebração, o Papa lavou os pés de 12 detentos, seis mulheres e seis homens, dos quais um brasileiro.

Papa Francisco

Na visita ao complexo penitenciário o Papa cumprimentou um a um os presidiários que o aguardavam, apertou as mãos, abraçou, beijou e disse palavras de encorajamento. O Santo Padre estava acompanhado do capelão de Rebibbia, Dom Pier Sandro Spriano, de quem partiu o convite para a visita à prisão. O Papa abençoou um cartaz com a foto de um detento chamado Davide que está desaparecido. "Obrigado a todos pela calorosa acolhida. Muito obrigado", disse Francisco.

Aproximadamente 300 pessoas, entre homens, mulheres e crianças filhos de detentas, participaram da recepção ao Pontífice, que depois celebrou a missa na Igreja do Pai Nosso.   

Em 2014, Francisco celebrou o mesmo rito em um centro de reabilitação para pessoas com deficiência e idosos, em Roma, e em 2013 numa prisão juvenil.

Segundo dados da Rádio Vaticano, o estabelecimento prisional em Roma contava em finais de 2014 com cerca de 2500 presos, 2100 homens e 350 mulheres, acompanhados de 20 filhos menores de 3 anos e o serviço pastoral é assegurado por seis capelães, com o apoio de 150 voluntários. O Papa emérito Bento XVI visitou esta prisão em dezembro de 2011.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Santo Padre

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.