Por Redação A12 Em Santo Padre Atualizada em 20 NOV 2019 - 10H26

Papa na Tailândia: Agenda prevê encontro com autoridades e prima missionária

Shutterstock.
Shutterstock.


Após mais de 11 horas de viagem, o Papa Francisco chegou ao aeroporto de Bangcoc, na Tailândia, acolhido pelas autoridades políticas e religiosas. A 32ª Viagem Apostólica vai até o dia 26 deste mês, quando deixará o Japão de volta ao Vaticano.

Os primeiros compromissos e discursos terão início na quinta-feira (21). O Papa será hóspede na Casa do Governo para a Cerimônia de boas-vindas do primeiro-ministro, General Prayuth Chan-ocha, onde o Pontífice falará perante as autoridades, a sociedade civil e o corpo diplomático.

Depois, acontece o primeiro encontro inter-religioso desta viagem, com o Patriarca supremo dos budistas, Somdej Phra Maha Muneewong, na residência histórica que é o templo Wat Ratchabophit Sathit Maha Simaram e, por volta de 00h50, hora de Brasília, a transferência para o Hospital St. Louis, fundado pelos católicos em 1898 e agora centro médico de excelência, para um encontro com a equipe e o abraço a um grupo de pacientes.

O primeiro intenso dia de Francisco em Bangcoc será concluído na tarde tailandesa, com uma visita privada ao Rei e com a primeira missa no Estádio Nacional da capital, que pode acomodar 65 mil pessoas.

A sexta-feira (22), será um dia dedicado, antes de tudo, ao encontro com sacerdotes, religiosos, seminaristas e catequistas, e depois com os bispos tailandeses e asiáticos. No sábado, dia 23, o Papa segue para o Japão.

.:: Veja itinerário do Papa

Encontro com uma prima

Reprodução/Vatican News
Reprodução/Vatican News


Entre as pessoas que o
Papa Francisco encontrará na Viagem Apostólica à Tailândia, está também sua prima, a Irmã Ana Rosa Sivori. A religiosa, de 77 anos, é membro das Filhas de Maria Auxiliadora e mora no país há mais de 50 anos. Ela serve na Escola Feminina de Santa Maria, uma das cinco que a Congregação tem no país. Durante a visita do Pontífice, a religiosa servirá de intérprete em alguns encontros.

Em entrevista à Vatican News, ela disse que a vinda do sumo Pontífice ao país é um presente especial para toda a Tailândia. “Todos aqui querem ir, querem vê-lo. Nós dizemos: preparem-se, porque o que ele dirá a vocês ou o que vocês verão deve ser um estímulo para a vida. E esperamos que, após a visita do Papa, haja outra percepção da vida, que não seja tão trivial, que seja mais espiritual”.

Os dois primos se encontraram pela última vez em março de 2018, no Vaticano e se comunicam por carta via nunciatura apostólica.

.:: Papa faz vídeo antes de partir para o Japão e Tailândia 

Fonte: Vatican News

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Santo Padre

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.