Por Pe. Inácio Medeiros, C.Ss.R. Em Notícias

Solicitações de Missões não param de acontecer

Todos os anos, as Equipes Missionárias da Província Redentorista de São Paulo (localizadas em São João da Boa Vista, Tietê e Araraquara) recebem muitas solicitações pedindo a pregação das Santas Missões em paróquias e cidades, sobretudo dos estados de São Paulo e Minas Gerais. Nestes últimos anos nossa área de atuação vem se estendendo também para os estados do Rio de Janeiro, Goiás e outros.

Quando um determinado pároco solicita a pregação das Santas Missões em sua paróquia, seu pedido entra para uma lista de espera, uma vez que não conseguimos evangelizar de imediato todas as cidades e paróquias que nos solicitam, já na ocasião ou no ano do pedido. Hoje temos solicitação de missões para mais alguns anos de trabalho porque, em geral, uma missão pregada em uma determinada região, provoca também outros pedidos para a mesma região. É por isso que algumas regiões dos estados de nossa área de atuação recebem as Santas Missões com mais frequência. De uma forma até jocosa podemos dizer: “Missionário é uma das poucas categorias humanas que não corre o risco do desemprego, pois como disse Jesus, A Messe é Grande”...

Em meados de cada ano em curso faz-se uma pré-seleção de cidades ou paróquias a serem evangelizadas no ano seguinte, seguindo o critério da antecedência, pelo ano do pedido, mas podendo seguir outros critérios como a urgência pastoral do pedido em vista de nossos primeiros destinatários, como nos pede Santo Afonso. 

Visitas dos “Olheiros”

Feito esta listagem, as cidades e paróquias a serem missionadas são visitadas por uma equipe composta por ao menos dois missionários, entre nós popularmente chamados de “Olheiros”. Depois destas visitas é que se faz então a escalação das missões para o ano seguinte, levando-se em consideração a realidade social, econômica e religiosa da paróquia ou da cidade e o compromisso do pároco em ser o “Animador de suas comunidades”.

É comum que em cidades onde existam mais de uma paróquia, os párocos se unam e façam o pedido para toda a cidade, pois desta forma os benefícios pastorais da missão chegam a todos. Pedidos de missão feitos pelo bispo diocesano precisam ser confirmados pelo pároco ou responsável por cada paróquia.

Nesta visita do olheiro já se faz o convite ao pároco e seus colaboradores mais diretos para que participem de um encontro realizado em Aparecida, quase sempre no segundo semestre.

Este encontro tem a finalidade de criar uma primeira aproximação entre o pároco com os Missionários Redentoristas e as Irmãs Missionárias, especialmente com aquele missionário que, designado anteriormente, será o coordenador da Santa Missão em sua paróquia. Cada pároco faz-se acompanhar de alguns leigos ou religiosos que farão depois a multiplicação das informações recebidas na paróquia, junto aos leigos, agentes de pastoral e comunidades de sua paróquia.

Muitos párocos, e isto é uma insistência dos Missionários Redentoristas, já iniciam em suas paróquias, a partir desta reunião, uma Campanha de Oração, de mobilização e até mesmo de arrecadação de fundos para custear as possíveis despesas com as Santas Missões. 

Missões 2014

No ano de 2014 os Missionários Redentoristas estarão percorrendo, como já o fazem desde 1897, diversas paróquias e cidades suscitando participação, engajamento, fé viva e renovada e organização de comunidades nas seguintes paróquias:

Março: Cidades de São Vicente de Minas, Iacri-SP e Paróquia Santa Luzia de Limeira-SP;
Maio: Paróquias São José e Dores, Nossa Senhora de Fátima e São Pedro de Alfenas, MG;
Agosto: Paróquias Santa Luzia e São Mateus de Carangola, MG;
Setembro: Cidades de Monte Belo-MG e Guarantã-SP;
Novembro: Paróquia Jesus de Nazaré – Distrito de Jacaré em Cabreúva-SP. 

Além destes trabalhos de evangelização os missionários estarão em fevereiro, outubro e novembro em missão no Santuário Nacional e ainda farão a renovação das missões ou Pós-Missão em algumas paróquias que foram missionadas nos anos anteriores.

Por fim, é necessário recordar que o ano 2014 será um ano bastante atípico, com a realização da Copa do Mundo e das Eleições Presidenciais, sendo que isto trará reflexos em nosso trabalho missionário.

 

Padre Inácio Medeiros, C.Ss.R.
Pela Equipe Missionária
Equipe de Comunicação

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Pe. Inácio Medeiros, C.Ss.R., em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.