Por Redentoristas Em Notícias Atualizada em 07 NOV 2020 - 09H36

O milagre do frango que se transformou em peixe

Em 1762, Santo Afonso foi até Roma para receber a consagração episcopal. Ele deveria assumir a Diocese de Santa Águeda dos Gôdos. 

Quando ele foi se encontrar com o seu amigo cardeal Orsini, ele a princípio, apresentou-se mal vestido: “Eminência, vim assim como eu estava!”, disse o santo. O amigo cardeal sorriu e Afonso, que era um homem de muita elegância acrescentou: “Eu sei que lhe causo vergonha”.

Cardeal Orsini respondeu com alegria e o reverenciou com simplicidade e espontaneidade: “Imagina se me causa vergonha”. Ele o abraçou fortemente como a um membro de sua família o levou para seu escritório para espanto dos convidados, que temiam uma cena qualquer por causa do hábito simples que Afonso usava.

Mais tarde, durante sua estadia em Roma aconteceu um episódio prodigioso que foi exposto por Domingos Iannella aos juízes do Tribunal Apostólico de Santa Águeda quando do processo de sua canonização.

Num dia de penitência, foi servido frango para o almoço de nosso santo.

Surpreso Santo Afonso exclamou: "Mas como! Hoje é sexta-feira e querem que eu coma carne?"

Aproximando-se de Afonso, padre Villani e padre Panzuti, tentaram convencê-lo de que seu estado de saúde exigia uma exceção e que não tinha sido um erro da cozinha.

O Santo não disse uma palavra! Apenas abençoou o prato e o frango se transformou em peixe.

Ao final da refeição, os padres, não vendo os ossos do frango, presumiram que quem servia a mesa “tinha feito o frango desaparecer”.

Reprodução
Reprodução
Pintura retrata o fato prodigioso: padres Villani e Panzutti tentando argumentar com Santo Afonso


No entanto, Domingos Ianella disse que na verdade, Santo Afonso abençoou e acabou acontecendo a prodigiosa mudança: "Posso jurar que ele comeu um peixe!"


arrow_forward E aí gostou de conhecer essa história de Santo Afonso, o fundador da Congregação Redentorista? Veja mais sobre sua vida em A12.com/santoafonso



Fonte: Cf. Oreste Gregorio, Monsignore si diverte, Valsele Tip. 1987, pp. 21-22.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redentoristas, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.