Por Polyana Gonzaga Em Redentoristas

Tríduo do Santíssimo Redentor: ‘Tenhamos um coração livre para viver a redenção’

Foto de: A12

Padre Carlos Arthur Anunciação, C.Ss.R.

Pe. Carlos Arthur preside 2º dia do Tríduo do Santíssimo
Redentor.

Os fiéis presentes no Santuário Nacional de Aparecida nesta sexta-feira (18) acompanharam o segundo dia do Tríduo em preparação para a Solenidade do Santíssimo Redentor, durante a missa das 9h00.

A Celebração Eucarística, no Altar Central, foi presidida pelo Missionário Redentorista Padre Carlos Arthur Anunciação, C.Ss.R.

A festa titular da Congregação do Santíssimo Redentor lembra a mensagem fundamental da proclamação missionária: ‘Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna’ (Jo, 3,16).

Em sua homilia, Padre Carlos Arthur Anunciação explicou o sentido dessa Celebração Eucarística para os Missionários Redentoristas.

“No próximo domingo teremos uma celebração especial com todos os Missionários Redentoristas para louvar, agradecer a Deus e celebrar o Santíssimo Redentor Jesus, titular da nossa Congregação”, afirmou.

“A palavra ‘Redentor’ tem um sentido muito especial para os Redentoristas. Jesus é o Senhor e veio para nos salvar e libertar. Ele vem nos libertar não com ouro, nem prata, mas com seu próprio sangue, pois Ele vem tem misericórdia, amor e quer um coração livre para que possamos amá-lo e viver a sua redenção”, completou.

Dirigindo-se aos fiéis presentes na Casa da Mãe Aparecida, pediu que possam acolher a Jesus como verdadeiro redentor: “Sejamos pessoas livres que não se deixam escravizar por nada e possamos caminhar com Cristo”.

Padre Carlos Arthur Anunciação saudou também o Missionário Redentorista, padre Júlio Brustoloni, presente na missa, pelos seus 88 anos de vida.

“Padre Júlio, assim como Ezequias citado na Primeira Leitura (Is 38,1-6.21-22.7-8), procurou sempre andar na presença de Deus. Que Deus lhe conceda muitos anos de vida”, afirmou padre Carlos Arthur.

Padre Júlio agradeceu a Deus pela sua saúde, pela sua vida religiosa e atividades evangelizadoras.

“Eu quero louvar a Deus pela minha vida, mas principalmente pelos meus 50 anos de vida religiosa nesta comunidade”, completou.

Leia também:

Redentoristas dão início ao Tríduo em preparação a Solenidade do Santíssimo Redentor

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Polyana Gonzaga, em Redentoristas

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.