Por Campanha dos Devotos Em Multimídia

Meu pai paralítico voltou a andar.

José Sebastião Souza Campos

 José Sebastião Souza Campos – Americana - SP

Meu pai paralítico voltou a andar.

Meu pai quando era menino com a idade de nove anos encontrou uma imagem da Virgem Aparecida e após meu avô lhe contar a história de como foi encontrada a primeira imagem da Virgem pelos três pescadores e também se certificando que era devoto, então meu pai mesmo sendo criança guardou a pequenina imagem com muito carinho. Na Casa deles sempre tinha o costume de por devoção a Virgem rezar o Santo Terço, quando meu pai tinha dezesseis anos foi acometido de uma grave enfermidade que chegou ao ponto de ficar paralitico, depois de muito tratamento foi desenganado pelos médicos que lhe davam assistência, meu pai pegando a imagem nas mãos suplicou a Virgem de Aparecida que intercedesse por ele junto ao seu filho Jesus e tão grande foi a graça, que meu pai de paralitico que estava noventa dias depois voltou a andar. O tempo passou e sete anos mais tarde meu pai se casou com minha mãe que era filha de Maria e rezava o Santo Terço na localidade onde residiam. Um ano e meio mais tarde, eu nasci dia 08 de dezembro o dia da Imaculada Conceição, até ai esta é a história verídica de vida que meu pai sempre me contou e até hoje se somaram mais inúmeras graças já recebidas por mim e meus familiares, a Virgem intercessora de Aparecida. Ah! Outro detalhe a imagem encontrada por meu pai em 1940, depois de sua morte eu a tenho como herança e irie deixá-la como herança para minha neta Maria Valentina.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Campanha dos Devotos, em Multimídia

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.