3º dia da novena: O protagonismo e a liberdade dos cristãos leigos

GALERIA DO DIA

Novena da Noite
Novena da Noite

As vésperas da Eleição dos candidatos a Deputado Federal, Estadual, Senador, Governador e Presidente, o Santuário de Aparecida reza neste 3º dia da Novena a busca pela libertação, como tema ‘Com Maria e Jesus, buscamos a libertação!’.

O tema inspira os devotos a serem sujeito e protagonista em sua Comunidade e no Brasil, tendo Maria como forte discípula de Jesus, sendo também uma convocação aos devotos à assumirem o compromisso do voto e das boas escolhas no próximo domingo (7).

A Novena Solene foi presidida por Dom Joel Portella Amado, bispo auxiliar de São Sebastião do Rio de Janeiro (RJ) e contou com a participação especial das Equipes de Nossa Senhora, na entronização da Imagem da Mãe Aparecida no Altar Central.

Thiago Leon
Thiago Leon

Dom Joel enfatizou em sua reflexão a importância da oração dessa noite pela superação da dor, do sofrimento e da esperança na reconstrução e renovação.

“Nós viemos aqui para pedir que Ela interceda por nós e nos ajude a restaurar a vida dilacerada por tantos sofrimentos. Quando nós olhamos nossa vida, percebemos que de fato nos sentimos aprisionados por inúmeras dores, dores sociais, dores pessoais e dores ecológicas.”

Chamando a atenção para o compromisso dos cristãos ao amor de Cristo que leva a transformação, Dom Joel lembrou as eleições no próximo domingo (7), afirmando com as palavras do Papa Pio XI, que a política é a forma mais perfeita de viver a caridade.

“É, portanto no compromisso eleitoral do próximo domingo, que nós vamos encontrar o agir que Deus espera de cada um de nós”, e completou dizendo: “nós podemos as vezes desanimar, é humano, mas desistir não. Se um dia você estiver para desanimar e tentar desistir, olhe para a Mãe Aparecida que hoje está restaurada no Santuário, e nos acolhe e nos diz que a última palavra não é de dor”.

Thiago Leon
Thiago Leon

Com os cantos populares, louvando Nossa Senhora Aparecida, os devotos unidos ao coral e orquestra PEMSA (Projeto de Educação Musical do Santuário de Aparecida), fizeram bonito em toda celebração, homenageando a Mãe intercessora que conduz a Cristo.

Novena da Tarde
Novena da Tarde

Matheus Andrade
Matheus Andrade

Neste 3º dia de Novena da Padroeira, a Mãe Aparecida traz de reflexão aos seus devotos de que “Com Maria e Jesus, buscamos a libertação”.

Trata principalmente sobre a escravidão, que continua afligindo nos dias de hoje seus filhos com novas formas de não se tornarem livres e felizes.

:: Reveja os principais momentos do 2º dia da novena

As preces rezadas pela família Bombachi reforçavam a união que a imagem de Aparecida mostra ao seu povo. Ao ser quebrada em mais de 200 pedaços, suas mãos postas permaneceram unidas, sinal que continuava a rezar por nós e até por quem a agredia. Esse sentimento de liberdade de amor e fé em meio a dor inspira a todos.

Em entrevista ao Central da Padroeira antes da novena, o pregador padre Luís Rodrigues Batista afirmou que o coração humano clama por libertação.

“Hoje é momento de se dar conta do que nos amarra, das idolatrias de hoje, o que precisamos deixar para trás e focar naquilo que é essencial, que é a vida. A escravidão de hoje, a alienação que nós temos. Tudo isso somos chamados a refletir, a chamar e a buscar a libertação que é sinônima de salvação e vida”.

Homília

“Como é bom estarmos na casa da mãe, sentirmos o abraço, o calor e o beijo de Nossa Senhora” iniciou calorosamente o padre José Roberto Pereira dos Santos, conhecido como padre Coutinho. Relembrou ser Mês Missionário, iniciado pela padroeira das missões, Santa Terezinha do Menino Jesus.

Afirmou estarmos passando por um momento delicado para utilizar a palavra “libertação”, mas que Maria nos auxilia para encontrar este caminho. “Apenas filhos de Jesus, livres e libertos, que serão felizes. Não há possibilidade de felicidade sem viver na terra prometida, precisamos ser anunciadores e praticantes da libertação”.

Romaria

Destaque para a participação da romaria da comunidade redentorista de Santa Barbara D’Oeste (SP) com os paroquianos e seminaristas da Igreja Nossa Senhora Auxiliadora da Diocese de Piracicaba (SP).

Com seis anos de paróquia e 10 anos do Seminário Redentorista Santíssimo Redentor tendo a frente padre Luís Rodrigues Batista, padre José Roberto Pereira dos Santos (padre Coutinho) e Padre Ancelmo Alencar Gomes, a consideram uma criança que está crescendo muita vida por meio das pastorais.

As demonstrações de amor à Padroeira continuam durante a Novena Solene às 19h, com transmissão ao vivo pela TV Aparecida.

Leia mais
Leia mais

Acompanhe todos os detalhes da Novena e Festa da Padroeira 2018

SAIBA TODOS OS DETALHES

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.