Por Redação A12 Em Notícias

52ª Assembleia Geral: Missa recorda bispos falecidos

O episcopado brasileiro reuniu-se na manhã desta segunda-feira (05) no Santuário Nacional de Aparecida, para a Santa Missa em memória dos bispos falecidos desde a última assembleia realizada em 2013. O bispo de Barra do Piraí-Volta Redonda (RJ), Dom Francesco Biasin presidiu a missa no Altar Central.

“Sentimo-nos profundamente devedores e gratos aos nossos irmãos bispos falecidos, pela fé que nos transmitiram, que ilumina a nossa vida e alimenta a nossa caminhada e das nossas igrejas”, disse durante a homilia.

Foto de: A12.com/Rosane Pereira

Missa recorda bispos falecidos-Rosane Pereira

 

Dom Biasin fez menção especial ao bispo emérito de sua diocese, Dom Waldyr Calheiros, e ao bispo emérito de Goiás (GO), Dom Tomás Balduíno, falecido na última sexta-feira (02), e que será sepultado hoje, na Catedral Nossa Senhora Sant’Ana, na Cidade de Goiàs.

“Os dois se procuravam e se apoiavam. Quando se encontravam pareciam dois irmãos. Tiveram uma trajetória marcada por desafios comuns. Juntos com os bispos do Brasil e de outros países, os dois foram signatários do pacto das catacumbas onde se comprometeram a viver radicalmente como pobres, a serviço dos pobres, em uma igreja pobre. O Vaticano II marcou, indelevelmente, as suas vidas. Em suas igrejas particulares, promoveram, com convicção, a renovação da Igreja. Marcaram presença em intervenção significativas na CNBB. Enfrentaram resistências e incompreensões de pessoas de dentro e fora da Igreja. Deram asas a um laicato maduro e atuante na Igreja e na sociedade. Acolheram e dialogaram com pessoas de todos os credos e ideologias, enxergando nelas a imagem de filhos e filhas de Deus. Atuaram na defesa de pessoas perseguidas pela ditadura e no processo de anistia”, lembrou Dom Biasin.

Dom Biasin expressou, ainda, a comunhão dos bispos à Igreja de Goiás e a Dom Eugênio Rixen, que se despede hoje de Dom Tomás Balduíno.

Ao final, ressaltou que todos “esses pastores zelosos, que dedicaram as suas vidas a serviço de deus e aos irmãos, estão nas mãos de Deus. Tudo deles está protegido e não será corroído pela morte”.

Reveja a homilia de Dom Francesco Biasin, bispo de Barra do Piraí - Volta Redonda (RJ):

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.