Por Marília Ribeiro Em Notícias

Devotos mirins rezam aos pés de Nossa Senhora Aparecida na tarde desta quarta-feira

A casa da Mãe Aparecida nesta quarta-feira (7) ficou repleta de crianças, que marcaram presença na novena das 15h celebrada especialmente para os pequenos com o tema Criança: Beleza da Ternura Divina.

5º Dia da Novena da Tarde - Foto: Ivan Simas

Foto: Ivan Simas

 

Com o Santuário de Aparecida tomado pelas crianças acompanhadas de seus pais e vindas com as escolas de Aparecida e cidades vizinhas o padre Ferdinando Mancílio, diretor de periódicos da Editora Santuário, conduziu a celebração enfatizando o amor de Maria e Jesus. Quatro mil livretos, com uma linguagem simples e atrativa, foram distribuídos para as crianças que participaram da novena.

CAPA_livreto_noveninha

Para cantar com as crianças e alegrar a novena da Padroeira do Brasil, as músicas foram conduzidas pelo coral de crianças do CAS – Centros de Assistência Social, pertencente a Congregação do Santíssimo Redentor da Província de São Paulo.

Após o evangelho proclamado pelas crianças o padre Ferdinando, em sua homilia, perguntou quem queria ir para o céu, e todas ergueram suas mãos. O padre destacou então, que para isso, é necessário rezar e explicou dando como exemplo um carro, dizendo o nome das rodas do carro de Jesus: “primeira roda do carrão de Jesus chama-se rezar, segunda é obedecer, terceira roda é estudar e a quarta roda é amar”.

O celebrante conclui afirmando: “Para dar partida no carro de Jesus é preciso unir todas essas ações, e se o carro não pegar, é porque tem gente que não está fazendo uma dessas coisas”.

Atentos à celebração, participando e respondendo a tudo o que o padre perguntava, estavam às crianças de diversas escolas, entre elas, a Edgar Souza, o Centro de Educação Infantil Nossa Senhora Aparecida da cidade de Potim e Projeto Semeando o Amor, coordenado pelas irmãs Mensageiras do Amor Divino com o apoio do Santuário Nacional.

Para cada um dos representantes dessas escolas é muito importante cultivar a fé e incentivar as crianças na participação da novena de Nossa Senhora.

“Procuramos passar o conhecimento e a importância de Nossa Senhora na vida de nós cristãos, e no projeto fazemos isso cantando com eles, evangelizando por meio da música”, disse o monitor de música do projeto Semeando o Amor, Sergio Luiz da Silva Guimarães.

A Irmã Maria Luiza Pantaroto, responsável pelo Centro de Educação Infantil Nossa Senhora Aparecida de Potim ressalta que é importante ensinar o respeito pela Mãe do Céu.

“Mais do que rezar é ensinar o respeito pela Mãe do Céu, Nossa Senhora, isso é muito importante para vida da criança e isso faz parte do nosso currículo pedagógico também”.

A oração diária a Nossa Senhora Aparecida, o pedido de bênçãos e proteção é praticado por muitos dos pequenos, Bryan Ribeiro Carvalho de 10 anos, veio com a escola Edgar de Souza da cidade de Potim e disse rezar todas as noites. “Eu peço para Ela abençoar minha família e meus amigos”.

A Maria Fernanda, 5 anos, veio para a novena junto com suas irmãs Maria Júlia e Maria Vitória, acompanhadas da avó e da tia, ela diz gostar muito da Mãe de Jesus. “Eu gosto muito Dela, porque Ela sempre faz o bem pra gente” e falou que em suas orações reza pelo avô. “Eu rezo para que meu avô esteja bem lá no céu”.

A devota mirim Maria Clara, do Projeto Semeando o Amor,  se orgulha em dizer que tem o mesmo nome de Nossa Senhora. “Eu gosto muito Dela, porque eu tenho o nome Dela e porque ela cuida de todos nós”.

A celebração foi encerrada com uma consagração especial à Nossa Senhora, dedicada aos pequenos devotos.

Após a novena, todas as crianças puderam brincar no parque de diversões no pátio do Santuário, por iniciativa do Centro de Apoio ao Romeiro.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Marília Ribeiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.