Por Elisangela Cavalheiro Em Notícias

Dom Nelson Westrupp celebra 50 anos de sacerdócio na Casa da Mãe Aparecida

O bispo da Diocese de Santo André (SP), Dom Nelson Westrupp, celebrou neste sábado (28) no Santuário Nacional o seu Jubileu de Ouro sacerdotal. Junto a outros jubilares e religiosos da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus, da qual faz parte, dom Nelson comemorou os seus 50 anos de dedicação ao ministério do altar. Concelebrou o bispo emérito da Diocese de Taubaté (SP), Dom Antonio Afonso de Miranda. 

jubileu_de_ouro_sacerdotal_50_anos_de_dom_nelson_westrupp_foto_elisangela_cavalheiro_17

“No dia consagrado ao Imaculado Coração de Maria cada um de nós é chamado a contemplar o mistério de Deus na vida desse coração humano que respondeu incondicionalmente à salvação de Deus. O Coraçao Imaculado de Maria não é apenas um órgão estático representado na iconografia cristã, mas sim um coração exultante e elevado até ao Coração de Deus e porque mergulhado no amor de Deus é um coração que eleva até Deus quem ainda está prostado na experiência incrédula da vida", disse Dom Nelson introduzindo os fiéis na liturgia do dia que celebra a memória do Imaculado Coração de Maria.   

Referindo-se a celebração dos 50 anos de seu sacerdócio, o bispo destacou a alegria de celebrar na Casa da Mãe Aparecida.

"No dia de hoje, queremos igualmente agradecer o mistério da vocação sacerdotal que o Senhor da messe, concedeu a nós que hoje celebramos o jubileu de ouro sacerdotal, por isso convido a todos a render graças a Deus e a Nossa Senhora Aparecida pelos nossos cinquenta anos de ordenação sacerdotal bem como pela nossa perseverança e fidelidade a Cristo e à Igreja".

Dom Nelson destacou  também o carisma da congregação dos Padres Dehonianos. "A celebração eucarística é para nós Padres Dehonianos o momento privilegiado da nossa fé e da nossa vocação, o ato mais importante do nosso dia. A Eucaristia, podemos dizer, é uma escola de contemplação de onde saem os profetas do amor e os ministros da reconciliação". 

"Que Nossa Senhora Aparecida nos ajude a nos tornar cada vez mais configurados ao Sumo e Eterno Sacerdote. Amém", finalizou.  

Ouça a homilia na íntegra: 

Em sua diocese, Dom Nelson celebrará outra missa solene pela comemoração do seu Jubileu de Ouro sacerdotal no dia 3 de julho, na Catedral Nossa Senhora do Carmo, às 20h. 

Veja a galeria de imagens da celebração: 

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Elisangela Cavalheiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.