Por Santuário Nacional Em Notícias

Maria é aquela que nunca desampara o povo sofredor

A Novena da Rainha e Padroeira do Brasil entra no sexto dia neste sábado, (08). Pela manhã o Santuário Nacional de Aparecida vivenciou dois importantes momentos: o envio da Imagem Jubilar para a Diocese de Imperatriz (MA) e a inauguração de um novo monumento em seus jardins. 

O tema da novena neste dia convida os fiéis e romeiros a contemplar a figura corajosa de Maria, que na fé suportou todos os sofrimentos e ultrajes empreendidos contra seu Filho e a confiar que ela está sempre ao lado daqueles que sofrem. Maria é a "Senhora e o amparo dos sofredores", indica a temática do dia.  

6º Dia da Novena Solene - Thiago Leon

Foto: Thiago Leon/Santuário Nacional

A missa das 9h, no Altar Central, foi presidida pelo cardeal arcebispo de Aparecida, Dom Raymundo Damasceno Assis e concelebrada por diversos sacerdotes e missionários redentoristas.

Em sua homilia, o cardeal disse que os cristãos não podem duvidar do amor de Deus visto que ele entregou o seu próprio filho para a salvação dos homens e mulheres. "A misericórdia de Deus não tem limites. Ela abraça todos os cantos da terra. Não há lugar onde ela não possa alcançar. Não há espaço nem pessoa onde a misericórdia de Deus nao possa tocar", disse o cardeal. 

:: 6º Dia da Novena: Maria, Senhora e Amparo dos Sofredores

:: 'Mães da Sé' vão participar do 6º dia de Novena

::Festa da Padroeira 2016 terá shows em louvor a Nossa Senhora Aparecida

Na novena da tarde, às 15h, o missionário redentorista, padre Ademir Gonçalves lembrou que Deus não deseja o sofrimento de ninguém. "A fé cristã se sustenta na certeza de que Deus é bom", frisou. 

O religioso pediu que os fiéis contemplassem o rosto de Maria, especialmente a Mãe das Dores, e nela encontrassem amparo diante de suas dificuldades. 

"Hoje nesse entrelaçar de olhares, você olhando para o rosto da mãe e a mãe olhando para o seu rosto, do seu coração ela nos ensina: procure o rosto do meu filho, enxergue o rosto do meu filho. Esse meu filho que você recebe todos os dias na hóstia consagrada. Mas este meu filho também está no rosto daquele que passa fome", exortou o sacerdote lembrando que ao contemplar Maria e ver Jesus não se pode ficar indiferente à dor de um irmão ou irmã que sofre. 

:: Veja a programação completa da Novena e Festa aqui.

Mães da Sé na Festa da Padroeira 2016 - Foto: Thiago Leon

Mães da Sé emocionam durante Novena Solene - Foto: Thiago Leon

A Novena Solene, às 19h, foi presidida pelo bispo de São Luiz de Cáceres, no Mato Grosso, Dom Antonio Emídio Vilar. A celebração proporcionou aos devotos momentos importantes de emoção e devoção, inclusive a participação das “Mães da Sé”, conhecidas em todo o Brasil desde 1996, pela iniciativa de reunir na Praça da Sé, em São Paulo (SP), mães que têm filhos desaparecidos.

O bispo afirmou que Maria, Serva fiel e obediente, foi Aquela que viveu a Palavra, serviu, praticou a misericórdia, foi assim que Ela mais agradou ao Senhor.

Foto de: Thiago Leon/Santuário Nacional

bispo de São Luiz de Cáceres, no Mato Grosso, Dom Antonio Emídio Vilar - Festa da Padroeira - Foto Thiago Leon

Dom Antonio Emídio na Novena Solene 2016.

“Assim como Maria serviu a Jesus de Belém até a cruz, assim também Ela sempre serve a todos os seus filhos e filhas. Maria é Senhora e Amparo dos Sofredores em suas cruzes, como foi a mulher em pé ao pé da cruz junto de seu Filho Jesus. É o que rezamos na consagração a Nossa Senhora Aparecida: ‘Recebei-me, o Rainha incomparável, vós que o Cristo crucificado deu-nos por Mãe, no ditoso número de vossos filhos e filhas; acolhei-me debaixo de vossa proteção; socorrei-me em todas as minhas necessidades, espirituais e temporais, sobretudo na hora de minha morte’”, afirmou.

A reflexão do bispo de São Luiz de Cáceres levou os devotos a refletirem que o amparo de Nossa Senhora não nos infantiliza com milagres fáceis e soluções imediatas e mágicas, mas nos faz protagonistas, cheios de fé e de amor. “Seu amparo de Mãe nos ensina a servir para que a água de nossa vida se transforme no vinho novo do amor de Deus e dos irmãos”.

“Maria sofre com os que sofrem, mas em tudo se revela como a Senhora que tudo pode diante de seu filho e que intercede por todos os que a Ela recorrem em suas dores e angústias”, afirmou.

A Novena da Padroeira 2016 acontece em dois horários, às 15h e às 19h, com transmissão pela Rádio, TV Aparecida, A12.com.

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Santuário Nacional, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.