Por Tatiana Bettoni Em Notícias

Navegador Amyr Klink realiza palestra motivacional no Santuário de Aparecida

Redação Portal A12

Tatiana Bettoni

O navegador Amyr Klink foi o palestrante convidado para encerrar a Sipat (Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho) do Santuário Nacional nesta sexta-feira (23). Funcionários, parceiros e convidados puderam conhecer um pouco das aventuras vividas pelo navegador, reconhecido por suas viagens ao redor do mundo, incluindo o Projeto Antártica 360°, em que fez a circunavegação polar, indo da Antártica ao Ártico. 

Durante mais de uma hora, Amyr contou episódios divertidos e extraordinários sobre os lugares por onde passou, revelando seu modo simples de encarar desafios e realizar sonhos. A paixão por viagens e embarcações foi o ponto alto de suas estórias. 

Amyr Klink também revelou que, após as viagens, ama voltar para a casa à beira-mar onde mora com a esposa, Marina Bandeira, e as filhas em Paraty (RJ). Casa, aliás, que foi feita pelo próprio navegador, e onde não há energia elétrica nem telefone celular. 

Sobre o sucesso de suas viagens – sua equipe foi a única a não sofrer acidentes durante a viagem em torno da terra - Amyr avalia que é o resultado de muita dedicação: “As pessoas falam ‘vocês têm sorte’, mas não só isso. Se não houver dedicação e cuidado, esse quadro pode se inverter em segundos. Isto está ligado a incutir nas pessoas com quem trabalhamos esta atitude em relação a comportamento seguro. É uma questão de respeito e ideologia”. 

Amyr, que trabalhou até em banco antes de se decidir pelas aventuras marítimas, contou que a vontade de mudar de vida foi o que o motivou . “Eu tinha o desejo de, uma vez na vida, ser dono do meu tempo, e eu achei que na Antártica eu seria o dono do meu tempo. Dá um frio na barriga quando você percebe que não tem como voltar atrás. Mas aí só resta continuar”, disse. 

Para Amyr Klink, realizar sonhos é uma questão de persistência: “Eu descobri que a gente pode fazer uma obra imensa sem uma ação gigantesca, mas simplesmente somando pequenos esforços do dia a dia. O grande desafio não foi me lançar no Atlântico contra o oceano. O grande desafio foi a persistência”. 

Ao final da palestra, o administrador do Santuário, padre Luiz Cláudio Alves de Macedo, presenteou o palestrante com o livro de fotografias ‘Aparecida’, lançado em comemoração aos 300 anos do encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida no Rio Paraíba do Sul, em 1717.

 

Saiba mais sobre Amyr Klink em www.amyrklink.com.br

  

Siga o A12 no twitter.com/portal_a12

Santuário Nacional: twitter.com/padroeira

Curta facebook.com/santuariodeaparecidaoficial

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Tatiana Bettoni, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.