Por TV Aparecida Em Revelações Sertanejo Atualizada em 30 NOV 2018 - 08H32

Quem vai ganhar o Revelações Sertanejo?

Aninha Mendes e Patrícia, Rodolfo Magalhães, Leandro e Romário e Vinícius Mendes são os finalistas da etapa desta sexta-feira, às 20h30, na TV Aparecida. Quem será a nova voz sertaneja do Brasil?

TV Aparecida
TV Aparecida

A grande final do Revelações Sertanejo está chegando e as emoções já tomam conta da TV Aparecida! Nesta sexta-feira (30), às 20h30, a nova voz sertaneja do país será conhecida. Aninha Mendes e Patrícia, Leandro e Romário, Vinícius Mendes e Rodolfo Magalhães estão no páreo pelo super prêmio de R$ 10 mil, da empresa Sono Quality, a gravação de 1 EP produzido pelo maestro Rodrigo Costa, equipamentos musicais para uma banda completa, da empresa Sonotec Music & Sound, e ainda uma bela viagem a Portugal, da empresa Catedral Viagens.

Reprodução
Reprodução
Jurados do Revelações Sertanejo

Após mais de três meses de seletivas, audições, eliminatórias em grupo e individuais e a semifinal com a presença dos familiares, os quatro finalistas do programa se apresentam ao vivo aos jurados: a cantora Adriana Sanchez, o maestro Rodrigo Costa, a dupla Hugo e Tiago e o empresário Ricardo Elói, que representa o voto popular.

A cobertura começa desde às 20h, com a live no Facebook da TV Aparecida, que traz todas as informações e preparativos para a grande noite. A final pode ser assistida também através da TV ao Vivo ou do aplicativo da TV Aparecida. Saiba aqui como baixar.

Conheça mais sobre os finalistas

Aninha Mendes e Patrícia - Uberaba (MG)

Juan Ribeiro/ Divulgação TV Aparecida
Juan Ribeiro/ Divulgação TV Aparecida
Aninha Mendes e Patrícia

Aninha Mendes iniciou-se na música realizando trabalhos como "backing vocal" de bandas e duplas locais. Logo surgiu o convite para fazer parte de uma tradicional e renomada banda de baile da cidade. Justamente em um baile de formatura, aconteceu o encontro com Patrícia.

Na adolescência, Patrícia participou de um concurso de rádio onde atuou como locutora, e ali realmente percebeu que a música era sua verdade. Ao conhecer Aninha, a sintonia e a afinidade foram imediatas, o que gerou uma grande amizade que resultou na formação da dupla.

Suas principais referências musicais transitam em vários estilos: Irmãs Barbosa, Valéria Barros, Maiara e Maraisa, Marília Mendonça, As Marcianas, As Galvão, Zezé di Camargo & Luciano, Chitãozinho & Xororó, Ivete Sangalo, Elba Ramalho, entre outros.

Leandro e Romário - Timóteo (MG)

Juan Ribeiro/ Divulgação TV Aparecida
Juan Ribeiro/ Divulgação TV Aparecida
Leandro e Romário

A dupla Leandro e Romário começou a carreira há sete anos, em 2011, por influência do pai do Leandro. Os dois iniciaram as apresentações no estilo rock n'roll, mas a essência sertaneja falou mais alto e a dupla entrou nesse mercado.

Leandro e Romário tocam atualmente em todas as casas de shows da região de Timóteo (MG), realizando apresentações em parceria com as prefeituras e dividindo o palco com alguns artistas sertanejos nacionais.

Algumas de suas maiores referências musicais são Chrystian e Ralf, Edson e Hudson, Chitãozinho & Xororó, Zezé di Camargo & Luciano.

Vinicius Mendes - João Pessoa (PB)

Juan Ribeiro/ Divulgação TV Aparecida
Juan Ribeiro/ Divulgação TV Aparecida
Vinícius Mendes

Aos 15 anos, Vinícius resolveu mostrar o seu grande talento, quando surgiu a oportunidade de ingressar na Orquestra Voo Livre, em sua terra natal, Areia, na Paraíba. Mudou-se para a capital, João Pessoa, aos 19 anos, onde assumiu o vocal de mais duas orquestras: Puro Charme e Black Tie.

Por três anos, dedicou-se à dupla com Sobral, que se tornou referência em toda o Estado. A vontade de levar um projeto com o seu nome era enorme. Foi aí que Vinicius amadureceu a ideia e colocou em prática a carreira solo que, em 2017, completou dois anos.

Vinícius é grande admirador de talentos como Luís Gonzaga, Dominguinhos, Zezé di Camargo & Luciano, Daniel, Djavan, Victor & Léo, Jorge e Mateus, Bruno Mars.

Rodolfo Magalhães - Piracicaba (SP)

Juan Ribeiro/ Divulgação TV Aparecida
Juan Ribeiro/ Divulgação TV Aparecida
Rodolfo Magalhães

Natural de Anápolis, Goiás, começou a cantar aos 7 anos de idade em pequenas festas, festivais e apresentações da escola. Possui mais de 70 troféus de 1º lugar. Sempre viveu de música.

Rodolfo teve influências de vários gêneros: sertanejo, pagode, samba, MPB, axé, forró e pop rock. Para ele, as diversas influências não significam a indefinição de um estilo, mas impôs isso a si para ter mais oportunidades de realização de shows por ser eclético.

*Informações enviadas pelos artistas  












1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por TV Aparecida, em Revelações Sertanejo

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.