Por Raquel de Godoy Retz Em Papo de Adulto Atualizada em 03 JUL 2020 - 15H24

Igreja doméstica

"A presença do Senhor habita na família real e concreta, com todos os seus sofrimentos, lutas, alegrias e propósitos diários" (Amoris Laetitia, 315). 

Transformar a casa em Igreja doméstica é cultivar experiências de paz, de amor verdadeiro e de união. Quando a base está bem alicerçada, as pessoas ficam mais fortalecidas, e alegres para anunciar a Palavra de Deus, e também ser crianças, jovens e adultos mais centrados. 

Que possamos atender ao chamado do Papa Francisco, em sua exortação apostólica Amoris Laetitia, e garantir, 24 horas a presença de Jesus em nossos lares. As crianças são o futuro do mundo e também de nossas famílias. Façamos com que eles estejam prontos para esse momento, com a fé firmada em Deus. 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Raquel de Godoy Retz, em Papo de Adulto

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.