ANO LITÚRGICO A

Hoje, 16 de Fevereiro de 2020   Abrir calendário

Cor Verde

6º Domingo do Tempo Comum

Primeira Leitura
Salmo
Evangelho

Leitura do Livro do Eclesiástico:

16Se quiseres observar os mandamentos, eles te guardarão; se confias em Deus, tu também viverás. 17Diante de ti, Ele colocou o fogo e a água; para o que quiseres, tu podes estender a mão. 18Diante do homem estão a vida e a morte, o bem e o mal; ele receberá aquilo que preferir. 19A sabedoria do Senhor é imensa, ele é forte e poderoso e tudo vê continuamente. 20Os olhos do Senhor estão voltados para os que o temem. Ele conhece todas as obras do homem. 21Não mandou a ninguém agir como ímpio e a ninguém deu licença de pecar.

— Palavra do Senhor.

— Graças a Deus.

— Feliz o homem sem pecado em seu caminho,/ que na lei do Senhor Deus vai progredindo!

— Feliz o homem sem pecado em seu caminho,/ que na lei do Senhor Deus vai progredindo!

— Feliz o homem sem pecado em seu caminho,/ que na lei do Senhor Deus vai progredindo./ Feliz o homem que observa seus preceitos,/ e de todo o coração procura a Deus!

— Os vossos mandamentos vós nos destes,/ para serem fielmente observados./ Oxalá seja bem firme a minha vida/ em cumprir vossa vontade e vossa lei!

— Sede bom com vosso servo, e viverei,/ e guardarei vossa palavra, ó Senhor./ Abri meus olhos, e então contemplarei/ as maravilhas que encerra a vossa lei!

— Ensinai-me a viver vossos preceitos;/ quero guardá-los fielmente até o fim!/ Dai-me o saber, e cumprirei a vossa lei,/ e de todo o coração a guardarei.

(Mt 5,20-22a.27-28.33-34a.37 )

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 20“Eu vos digo: Se a vossa justiça não for maior que a justiça dos mestres da Lei e dos fariseus, vós não entrareis no Reino dos Céus.

21Vós ouvistes o que foi dito aos antigos: ‘Não matarás! Quem matar será condenado pelo tribunal’.22aEu, porém, vos digo: todo aquele que se encoleriza com seu irmão será réu em juízo.

27Ouvistes o que foi dito: ‘Não cometerás adultério’.28Eu, porém, vos digo: Todo aquele que olhar para uma mulher, com o desejo de possuí-la, já cometeu adultério com ela no seu coração.

33Vós ouvistes também o que foi dito aos antigos: ‘Não jurarás falso’, mas `cumprirás os teus juramentos feitos ao Senhor’.34aEu, porém, vos digo: Não jureis de modo algum. 37Seja o vosso ‘sim’: ‘Sim’, e o vosso ‘não’: ‘Não’. Tudo o que for além disso vem do Maligno”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Catequese Bíblico-Missionária

A liturgia de hoje, principalmente a Primeira Leitura, recorda a liberdade do ser humano na condução da sua vida e, ao mesmo tempo, alerta para a responsabilidade que cada um tem ao fazer suas opções. Diante disso, Jesus oferece sua proposta: é preciso ir além da mera observância dos preceitos legais, e Paulo recomenda que tudo seja conduzido conforme a sabedoria de Deus.

O autor do livro do Eclesiástico afirma claramente: o ser humano é livre para escolher entre a vida e a morte, o bem e o mal, a água e o fogo. No entanto, é sensato que escolha o bem, sinônimo de vida e proteção de Deus. As escolhas trazem consequências e essas exigem, portanto, responsabilidade. Diante disso, é importante traçar a vida segundo a sabedoria de Deus, desconhecida aos poderosos deste mundo, mas acessível aos que se deixam conduzir pelo Espírito Santo, como ensina Paulo na Segunda Leitura.

No Evangelho, continuando o discurso da montanha, Jesus se apresenta como expressão máxima do agir segundo a sabedoria de Deus: é preciso ir além do que determina a lei. Tendo já apresentado as bem-aventuranças como uma espécie de nova lei, ou seja, modelo do agir cristão, ele ensina que a lei antiga, transmitida e ensinada pelos antepassados, ao invés de abolida, encontra agora o seu pleno cumprimento.

Com exemplos claros e concretos, Jesus mostra que, diante da oferta do amor de Deus, prender-se literalmente aos preceitos da lei é muito pouco. O cristão que se deixa conduzir pela sabedoria de Deus pode e deve fazer muito mais. Prender-se ao legalismo dos fariseus é ignorar a força vivificante do Espírito Santo doada gratuitamente a quem não se deixa seduzir pela sabedoria deste mundo.

A melhor maneira de aplicar a liberdade dada por Deus é, portanto, configurar o nosso agir ao de Jesus, e reconhecê-lo como ápice da verdadeira sabedoria e lei de Deus. Ser cristão não é ser propagador de uma doutrina, mas discípulo de alguém que, acima de qualquer legalismo, põe o bem do ser humano. É esse o agir iluminado pelo Espírito.

Pe. Francisco Cornélio

Freire Rodrigues

Diocese de Mossoró-RN

Oração

Ó Deus, que prometestes permanecer nos corações sinceros e retos, dai-nos, por vossa graça, viver de tal modo, que possais habitar em nós. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

— Amém.

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Fazer a assinatura de qualquer produto Deus Conosco é muito simples


Clique no link abaixo e veja todas as informações para assinar os produtos:
 FOLHETOS DEUS CONOSCO;
• DEUS CONOSCO TRADICIONAL;
• DEUS CONOSCO LETRAS GRANDES E
• CELEBRAÇÃO DA PALAVRA.


Assine