A12

Santuário Nacional de Aparecida possui capela em honra a São José

Enviar por e-mail

Preencha todos os campos adequadamente.

Enviando...

Ocorreu um erro no envio:

-

Preencha todos os campos adequadamente.

Enviando...

Ocorreu um erro no envio:

Capela São José

Foto: Thiago Leon

 

O Santuário Nacional de Aparecida possui uma capela, próxima ao Altar Central, dedicada a São José, o guardião da Sagrada Família, esposo castíssimo de Nossa Senhora e pai adotivo do Menino Deus. Cada detalhe da capela possui um significado especial, desde o piso até a cúpula.

O piso da capela possui desenhos de lírios que se abrem, simbolizando a pureza e a sabedoria. Uma grade em ferro batido representa a entrada do jardim, com lírios em ouro e a frase "Dominus Domum Joseph Concredidit" (O Senhor confiou a José a Sua casa).

Foto de: Thiago Leon

Capela Sao Jose

Painéis no interior da Capela dedicada a São José.

Estrelas de Davi, pintadas no corredor central e na parte superior do painel principal, recordam que São José é descendente de Rei Davi.

Um painel de azulejos representa a passagem bíblica na qual São José é avisado pelo anjo de que Nossa Senhora concebeu por obra do Espírito Santo.

Na parte inferior, água e tamareiras indicam o oásis. São José tem um bastão que floresce, a raiz de Jessé renasce, e uma palmeira de tâmaras faz menção ao salmo: "O justo é como uma árvore plantada à beira das águas: dá fruto a seu tempo e sua folhagem não murcha. Tudo o quanto fizer será bem sucedido".

Foto de: Thiago Leon

Capela Sao jose

Cúpula da Capela São José, no interior do Santuário.

Pássaros recordam a oferta dos pobres no templo. A Sagrada Família e a Apresentação do Menino Jesus no templo são representadas por dois relevos.

Ornamentada em tons de ouro, a cúpula da Capela representa a luz, Cristo Luz, Pentecostes e a plenitude Pascal. A base da cúpula forma um jardim de flores-de-lis, simbolizando a simbolizando da glória de Salomão e a Glória de Deus entre nós.

São José foi declarado padroeiro da Igreja católica em 1870, durante o Concílio Vaticano I, pelo Papa Pio IX. (EPC)

 

Fonte: Centro de Memória e Documentação do Santuário (CDM).


Comentários (0)



Carregando Comentários
0 caracteres