Por Lívia Maria de Oliveira Silveira Rosa Em Notícias Atualizada em 28 OUT 2017 - 12H45

Computador, internet, vírus.... Como se proteger no mundo digital?

Nossa Família Online
 

Muito tem se falado sobre segurança digital. Os crimes e os ataques cibernéticos, que são vírus digitais disseminados pelos hackers por meio de computadores e internet, estão se tornando cada vez mais recorrentes em empresas e instituições. Esses ataques cibernéticos acontecem quando é deixado de brechas na segurança dos computadores.

A intenção destes crimes virtuais é de danificar informações, roubar dados, espionar, sabotar e extorquir dinheiro. Um deles e um dos mais recentes divulgados na mídia é o vírus do tipo Ransomware, que “sequestra” informações de um computador exigindo resgate em Bitcoins, uma moeda virtual e global que não pode ser controlado pelos governos e não depende do mercado financeiro tradicional, para devolver o acesso à máquina, como aconteceu em maio deste ano, em vários países do mundo.

E isso tem redobrado as atenções de empresas e instituições para a segurança digital, e a de usuários comuns, que possui um computador em casa. Então como nos proteger no mundo digital? Veja aqui algumas medidas básicas de segurança:

  • Instalar um antivírus e o manter atualizado.
  • Fazer cópia dos arquivos, conhecido como backup, pode ser realizada em dispositivos como HD externos ou pen drives, ou ainda nas nuvens, onde o usuário tem a opção de salvar seus arquivos em servidores localizados em vários locais do mundo, acessando-os através da internet.
  • Manter o sistema operacional atualizado, geralmente em casa temos o Windows, da Microsoft; é o sistema que mais sofre ataques virtuais em todo o planeta, ou seja, mantê-lo atualizado é crucial para a segurança de seus dados.
  • Evite passar seus dados ou contas virtuais para pessoas que não são de extrema confiança.
  • Bancos e instituições financeiras não costumam mandar e-mails para seus clientes, fique atento quanto a esse tipo de e-mail, pois os hackers costumam copiar sites de bancos, o que pode confundir o usuário, que acaba passando todos os seus dados para criminosos digitais. Em caso de dúvidas, entre em contato com seu banco ou instituição financeira.
  • Não acredite em prêmios mirabolantes ou promoções extremamente vantajosas que são abertas apenas por acessar determinados sites.

Com estas precauções é possível se proteger no ambiente digital. Até a próxima !

Qual artigo você gostaria de ler na próxima edição? Deixe aqui nos comentários.

Colaboração: José Flávio Gonçalves, Analista de Negócios.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Lívia Maria de Oliveira Silveira Rosa, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.