Por Lívia Maria Rosa Em Notícias Atualizada em 30 JAN 2018 - 08H31

“Histórias em Quadrinhos” produzidas pelo Santuário contribuem com a educação infantil

Catequistas e pais têm utilizado a Revista Devotos Mirins para diálogo e formação cristã

Quem não teve a infância, e até outras fases da vida, marcada pelos gibis e suas histórias em quadrinhos? É uma delícia ler, se divertir com as ilustrações e balões, acompanhar a sequência das cenas e passar o tempo nesta leitura que faz a nossa imaginação voar... Quem concorda?


As histórias em quadrinhos são o principal gênero literário responsável por atrair e incentivar as crianças à leitura. Surgiu aqui no Brasil no século XIX, mas tornou-se conhecido após o sucesso dos tradicionais gibis da “Turma da Mônica” e do “Menino Maluquinho” na década de 60. 

Considerado a 9ª arte, o gênero é comemorado todos os anos no dia 30 de janeiro para relembrar a primeira história em quadrinho do país: “As Aventuras de Nhô-Quim ou Impressões de uma Viagem à Corte”, autoria do cartunista Angelo Agostini. 

Sabendo deste sucesso com o público infantil, o Santuário de Aparecida, desde 2006, utiliza do formato para evangelizar as crianças, através da Revista Devotos Mirins. Todos os meses a Revista traz 2 aventuras dos mais variados assuntos de educação, cidadania, catequese, consciência ecológica, etc. Os principais personagens destas histórias – Tijolinho, Cidinha, Itamar, João, Domingos, Felipe e Silvana – trazem em suas personalidades traços de caráter, honestidade, compaixão e altruísmo como exemplos de comportamento e atitude.


É um presente que o Santuário envia para mais de 125 mil crianças de todo o Brasil, todos os meses. Para conhecer a Revista e saber como presentear uma criança com este gibi, é só acessar o site Devotos Mirins. O responsável só precisa informar os dados da criança e fazer doações espontâneas para ajudar nos custos da produção e também com as obras evangelizadoras da Revista de Aparecida.

E você, gosta de histórias em quadrinhos? Conte sua experiência aqui neste post.

 CADASTRAR UMA CRIANÇA

PRESENTEIE UMA CRIANÇA


2 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Lívia Maria Rosa, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.