Por Jovens de Maria Em Crescendo na Fé

7º dia de preparação para a Páscoa: Felizes os que promovem a paz

Há alguns dias, em nossa preparação para a Páscoa, meditamos o ser “manso”, que também pode se traduzir em ser “pacífico”. Já a bem-aventurança de hoje pode parecer um tanto repetitiva. Mas não é e vamos explicar o motivo! Começa então o sétimo dia da nossa série:

“Felizes os que promovem a paz, porque serão chamados filhos de Deus”

(Mateus 5,8)

bem_aventuranca_jm_07

1 - A diferença

Quando Jesus nos pede para sermos mansos, pacíficos, são virtudes para nossa própria santificação, que melhora sim o ambiente em que estamos, mas basta um trabalho interno, conosco mesmo.

Já quando Jesus fala sobre promover a paz, não é apenas ser uma pessoa tranquila, que não faz guerra, que não dissemina o ódio. É, na verdade, extrapolar o “ser” e passar a “fazer”.

2 - Promover a Paz

A ideia é trazer para o ambiente em que vivemos a Paz. Tranquilidade, reconciliação, diálogo, respeito, tudo isso são características de lugares em que há paz.

O YouCat (pergunta 395) diz que “a paz é consequência da justiça e o sinal do amor realizado”. Diz também: “Na paz, a comum existência humana é marcada pela solidariedade fraternal”.

3 - A recompensa

“Serão chamados filhos de Deus”. Não é por reconhecimento, por vanglória. A honra de ser chamado assim, na verdade, é pelos frutos gerados na sociedade. Pois, os filhos de Deus, seu povo, “quando permanece fiel a Deus e procura primeiramente o Reino de Deus, transforma o mundo” (YouCat, 125).

Além disso, claro, o próprio Deus nos reconhecerá como seus filhos. E já não passaremos por aquela situação que Jesus continua a ensinar no Sermão da Montanha: “Nem todo aquele me diz: ‘Senhor, Senhor!’ entrará no Reino dos Céus” (Mt 7,21).

4 - Colocando em prática

Que nesta Quaresma, possamos ser promotores da paz. Vamos levar reconciliação, tranquilidade, amor às pessoas.

Ah! Aproveite também para olhar um pouquinho mais em volta e perceber de que maneira concreta você pode promover a paz. Doando algo material? Participando de algum grupo, associação que lute por direitos dos menos favorecidos? Isso também é promover a paz!

E assim seguimos nossa Quaresma, rumo a termos a dignidade de Filhos de Deus!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jovens de Maria, em Crescendo na Fé

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.