Por Allan Ribeiro Em Notícias Atualizada em 10 JAN 2019 - 08H32

Como está o coração de Francisco para a JMJ?

Como jovens, trilhamos um caminho em preparação a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que acontecerá em 2019, no Panamá. Mas, já se perguntou como será que Papa Francisco tem vivenciado essa preparação?

Pra responder esta pergunta, conversamos com o padre brasileiro João Chagas, responsável pela seção da Juventude do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, da Santa Sé. Ele acompanha de perto toda a organização da JMJ e compartilha como tem sido a expectativa do Santo Padre para o encontro com os jovens.

Papa (Crédito: Shutterstock)

O sacerdote lembra o carinho especial de Francisco na escolha da cidade. Apesar de ter selecionado a Cracóvia como sede da última edição do evento, o processo de definição da cidade já estava em estado avançado. Já o Panamá foi uma escolha plenamente de Francisco, que acompanhou desde o inicio, dentro do projeto pastoral que semeava no coração.

Padre João Chagas conta que o Papa tem manifestado o desejo de estar no Panamá ao lado dos jovens, mas que dependerá de sua saúde até lá. “Mas o que garantiu é que Pedro estará lá. Esperamos que Pedro seja ele”, brinca.

O sacerdote afirma que, se a cidade puder contar com a participação dele, será uma explosão da alegria. Ele reforça o quanto o Santo Padre se solta ao falar em sua língua materna, o castelhano, e o quanto isto seria rico para os jovens que estarão na JMJ.

Em preparação a este grande momento, o sacerdote também lembra os inúmeros gestos que Francisco tem feito em prol da juventude, como o Sínodo dos Bispos para a juventude e as mensagens que o Santo Padre tem encaminhado. “O caminho que o Papa já nos indicou é um caminho mariano. É muito importante que o jovem entre em sintonia e saiba uma forma concreta de fazê-lo”, finaliza, apresentando a direção que os jovens até a JMJ.

América Central – Já aconteceram jornadas na América nos EUA, no Canadá, na Argentina e no Brasil. Pela primeira vez na região, a Jornada tem recebido um apoio de todo episcopado da América Central e do Caribe. Além das oito dioceses panamenhas, a Costa Rica e a Nicaragua também devem receber eventos da pré-jornada.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Allan Ribeiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.