Por Da Redação. Em Notícias Atualizada em 28 SET 2018 - 08H57

Três Papas já passaram pelo Santuário Nacional

Ao longo de sua história – iniciada há pouco mais de três décadas – o Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida recebeu a visita de três pontífices.

João Paulo II, Bento XVI e Francisco participaram de momentos marcantes do Santuário e dos milhares de fiéis que acompanharam as visitas pontifícias.

Papas Santuário - CDM, Vera de Souza e Thiago Leon

João Paulo II, Bento XVI e Francisco celebraram missas em Aparecida (SP)
(Da esquerda para a direita: CDM, Vera de Souza e Thiago Leon)

 

Leia MaisA primeira visita de um Papa à América LatinaGestos do Papa Francisco em AparecidaO que podemos aprender com o Papa? Papa Francisco ensina fundamentos da IgrejaA historiadora Tereza Pasin analisa a passagem dos pontífices como um sinal de devoção. “Cada um veio no seu tempo, mas eu igualaria a fé deles com a do cantor do carro de boi, que no passado vinha para cantar os hinos de Nossa Senhora”, ressalta.

Tereza acredita que, desde o mais rico até o mais pobre, os fiéis chegam para reverenciar a Rainha e Padroeira do Brasil. E também foi isso o que fizeram os três papas que estiveram no Santuário. “Eles vieram ver a Padroeira de todo o Brasil, abençoando a todos; vieram porque aqui é o centro das peregrinações”, justifica.

O missionário Redentorista, Padre Victor Hugo Lapenta, lembra que o Papa Paulo VI foi quem deu início às grandes peregrinações internacionais pontifícias e que, na época, os católicos tinham um forte desejo que ele visitasse o Brasil. Porém, havia receio que a visita do Pontífice fosse associada à ditadura militar. Por isso, Paulo VI não veio, mas esteve em Aparecida ainda quando cardeal, quando visitou a Argentina, na década de 1960.

O primeiro papa a visitar Aparecida foi João Paulo II, em 1980. “Não cesseis, ó Virgem Aparecida, pela vossa mesma presença, de manifestar, nessa terra, que o amor é mais forte que a morte, mais poderoso que o pecado”. Essas foram as palavras proclamadas por ele ao consagrar a Basílica Nova, no dia 4 de julho daquele ano.

Em maio de 2007, o Papa Bento XVI permaneceu em Aparecida por dois dias, marcando presença na V Conferência Geral Episcopal da América Latina e Caribe, juntamente com outros 176 cardeais e celebrando missa para os fiéis.

Dentre os cardeais que participaram da Conferência, estava Jorge Bergoglio, então Arcebispo de Buenos Aires que, em março de 2013, foi eleito Papa. Quatro meses depois, Francisco visitou o Brasil por ocasião da Jornada Mundial da Juventude e, no dia 24 de julho, celebrou uma missa no Santuário Nacional.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Da Redação., em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.