Por Jornal Santuário Em Notícias

3º dia: Bispo de Cachoeira do Itapemirim (ES) enaltece Maria como discípula

Maria: Mãe Peregrina que nos espera no céu! foi o subtema do terceiro dia do novenário de Nossa Senhora Aparecida, na última segunda, dia 5 de outubro.

Foto de: Eduardo Gois / JS

Novena 3º Dia - Foto Eduardo Gois JS

Dom Dario: "Na cruz estão presentes 
todas as dores da sociedade, todos os
lamentos, lágrimas, angústias, todas
as raças, línguas e nações que se
sentem desprezadas. Cristo ao assumir
nossa humanidade se tornou servo de
todos e se entregou por nós à Salvação"

Na Novena Solene da Noite, o presidente da celebração e bispo da diocese de Cachoeira do Itapemirim (ES), dom Dario Campos (OFM), abordou Maria como exemplo de entrega e compromisso missionário. “Nossa mãe Maria soube compreender tal verdade de fé, pois ela mesma ouvindo a palavra de Deus soube renunciar a sua vida e seguir a Jesus.”

Na homilia, ele citou que para alcançar o céu é necessário seguir três passos que levam para o caminho do discipulado. “Renunciar a si mesmo, tomar a cruz e seguir a Deus.”

Dom Dario afirmou que somos chamados pelo batismo a ser discípulos missionários e Nossa Mãe Maria, sobe compreender tal verdade de fé, pois ela mesma, ouvindo a Palavra de Deus, foi capaz de renunciar a si mesma, tomar a sua cruz e seguir seu filho desde Nazaré até Jerusalém. “No Evangelho de hoje Jesus está reunido com os discípulos assim como nós estamos reunidos aqui com Maria.”

Ele questionou: como renunciar a si mesmo? Como compreender algo tão radical e duro? “Marcados pela sociedade atual que caminha a passos largos para outra direção, hoje vemos ao nosso redor um crescente individualismo radicalizado pelo empenho enorme das pessoas pelos seus próprios interesses e um crescente fechamento para as necessidades dos outros, principalmente para os mais necessitados, pobres e excluídos”, critica.

Nesse sentido, o prelado afirma que a renúncia de si não significa um perder-se ou anular-se, significa que tudo que você tem deve ser iluminado pela presença de Cristo. “Maria abraçou o projeto de Deus, ela mesma foi tomada pelo caminho do discipulado e se tornou a primeira discípula missionária do seu próprio Cristo.”

Dom Dario opina que parece ser algo impossível reconhecer no mundo atual o valor da cruz. “As dores da sociedade vão desde a violência até as drogas que roubam os nossos jovens, a despreocupação total com os menores, aqueles que estão em nossas cadeias abandonados. Como é triste visitar uma cadeia e como é bonito ver uma mãe levar um prato de comida para aquele filho que está encarcerado. ”

A devota Maria das Dores da Silva, de Aparecida (SP), acompanhou a celebração e disse estar imensamente entusiasmada com a Novena e que aproveitará a oportunidade para agradecer bênçãos e pedir discernimento para angústias de sua vida, pois passa por um momento delicado de sofrimento e acredita que não vencerá sozinha, sem a proteção e a intercessão de Nossa Senhora.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jornal Santuário, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.