Por Allan Ribeiro Em Notícias

Bispos refletem situação política do Brasil

A atual conjuntura política, econômica e social entraram na pauta de discussões dos bispos reunidos em Aparecida (SP), na 54ª Assembleia Geral (AG). Uma comissão foi constituída para elaborar uma proposta que deverá ser aprovada pelo episcopado ainda esta semana. Entre outros assuntos que serão abordados durante os 10 dias está o estímulo dos leigos para as questões políticas e a participação deles na construção da sociedade.

Foto de: Allan Ribeiro/JS

Dom Geraldo - Allan Ribeiro/JS

"Dentro da conjuntura que estamos vivendo, são os leigos
e leigas que vão trazer uma construção dessa conjuntura",
afirma dom Geraldo Lyrio Rocha

Na tarde desta quarta-feira (6) foram trabalhados temas como a corrupção, a comunicação vinculada à política e como os cristãos reagem a esses temas. As eleições municipais deste ano também serão refletidas no decorrer do encontro. Os bispos buscam instigar os cristãos a terem mais interesse e a serem ativos na política.

O bispo de Campos (RJ), dom Roberto Francisco Ferrería Paz, frisa que, frente a este panorama de descrédito ou diante da acusação leviana de toda classe política, o que se teme é que exista um absentismo eleitoral bastante volumoso, expresso seja no voto em branco, seja no voto nulo. O bispo será um dos representantes da comissão que apresentará a AG um texto sobre a atual conjutura política. “Será uma Assembleia com uma janela para a situação nacional, com todos os seus temperos, suas preocupações e seus desafios”, ressalta dom Paz.

O arcebispo de Mariana (MG), dom Geraldo Lyrio Rocha, explica que o tema central, Cristãos leigos e leigas na Igreja e na sociedade – Sal da terra e luz do mundo, apesar de definido pelo Conselho Permanente antes do afloramento da crise política, vem como resposta ao desafio enfrentando. Ele coloca que os cristãos desempenham um papel relevante diante desse cenário politico. “É grande a importância do leigo na Igreja. Importantíssima é sua presença e atenção na sociedade. Dentro da conjuntura que estamos vivendo, são os leigos e leigas que vão trazer uma construção dessa conjuntura”, destaca o bispo.

Outros temas

Também serão objetos de reflexão o 17º Congresso Eucarístico Nacional, que será em realizado em agosto próximo, o Tricentenário das aparições de Aparecida, o Ano da Misericórdia e a encíclica Laudato si. Temáticas de caráter social também ganharão espaço como, a demarcação de terras indígenas e os jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro (RJ).

Outro assunto de destaque é a proposta de diálogo inter-religioso em celebração aos 500 anos da reforma protestante. O tema, que no passado era colocado como polêmico entre a Igreja Católica e os Evangélicos Reformados, surge com uma nova conotação, trazendo uma perspectiva de comunhão.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Allan Ribeiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.